O envolvimento de jovens e menores com a criminalidade aumenta a cada dia em Guarapari e, infelizmente, a participação deles no mundo do crime não se limita a pequenos furtos. Recentemente mostramos dois casos que chocaram a sociedade, um foi o jovem de apenas 18 anos que matou um porteiro a facadas sem motivo algum. Outro caso de grande repercussão foi o da moça que levou 22 facas no bairro Perocão, o crime foi cometido por dois adultos e dois adolescentes de 16 e 17 anos.

Casos como estes estão ficando cada vez mais comuns, mas o que leva pessoas com a vida inteira pela frente para o crime? O que fazer para evitar que outras tenham o mesmo destino? O Portal 27 vai ouvir profissionais da segurança pública, educação e assistência social para responder essas e outras questões na série de reportagens especiais  “Os Jovens e o Crime”.

Para o comandante do 10° Batalhão da Polícia Militar, tenente coronel Pessanha, o envolvimento de jovens no crime é um problema social.

Na primeira matéria conversamos com  o comandante do 10º Batalhão da Polícia Militar de Guarapari, tenente coronel Pessanha, em uma entrevista ping-pong. Confira a opinião dele.  

Portal 27. Comandante, para o senhor o que leva os jovens para o mundo do crime?

Pessanha.  Infelizmente, a juventude está envolvida com o crime porque da lei fraca. A gente tem uma legislação que acoberta o jovem infrator e isso acaba favorecendo para que eles sejam recrutados pelo crime organizado e o tráfico de drogas. O processo para mantê-los preso é só quando tem muitas questões envolvidas.

Portal 27. O senhor tem o registro da quantidade de jovens presos e menores apreendidos em nossa cidade?

Pessanha. Não tenho essa estatística. Mas não só a quantidade de menores sendo apreendidos cometendo atos infrações tem aumentado como também a gente percebe que eles estão se envolvendo com o crime cada vez com uma idade mais baixa ainda. Tanto que tem criança de 12 anos já envolvida no crime.

Portal 27. Na opinião do senhor, o que precisa ser feito para evitar que mais jovens se envolvam com a criminalidade?

Pessanha . Essa é uma questão social então tem que ter um investimento muito melhor em termos de educação, infraestrutura para os bairros de periferia e oportunidades de trabalho. Acho que é um conjunto de questões que devem ser trabalhadas melhor. Não é só uma questão de legislação como a redução da maioridade penal.

Deixe seu comentário

Comments are closed.