No Diário Oficial Legislativo Municipal de ontem (17), a Câmara Municipal de Guarapari esclareceu as medidas que tomará em prevenção ao Covid-19. Dentre as ações de cautela, foi declarado que o atendimento geral ao público será suspenso nos próximos 15 dias, no mínimo.

O diário foi emitido pelo Presidente da Câmara, Vereador Enis Gordin.

Em função das medidas de prevenção, a sede e o anexo da Câmara funcionará apenas de 12h às 18h diariamente. A população não poderá circular nas dependências da câmara. Para visualização das sessões plenárias, a emissão à TV continuará em vigor com, no máximo, três funcionários da emissora operando os equipamentos.

O acesso ao plenário será limitado apenas aos vereadores, além dos servidores do setor administrativo. Os demais servidores realizarão seus serviços por meio de “teletrabalho”.

Para circulação de ar nos setores, é obrigatório que as repartições de funcionamento excepcional permaneçam de portas e janelas abertas. Foi adotado também o protocolo de isolamento domiciliar por 14 dias em casos em que os servidores apresentem sintomas gripais sem sinais de gravidade.

É importante ressaltar que, em caso de sessão extraordinária, os vereadores, servidores e prestadores de serviço devem estar aptos a comparecer imediatamente. Foram suspensas, entretanto, todas as reuniões e eventos externos realizados pelo Poder Legislativo, como palestras, seminários ou cursos.