A insatisfação popular por causa dos escândalos da Petrobrás aumenta dia a dia. Vários movimentos populares estão surgindo em todo o Brasil para protestar contra o Governo Federal, muitos deles pedindo a renúncia e até mesmo o impeachment da presidente Dilma.

Em Guarapari um grupo de moradores, insatisfeitos com a atual situação, está organizando um ato de protesto contra o Governo da presidente Dilma. O ato está marcado para começar na área do Radium Hotel, no Centro de Guarapari, no dia 15 de março às 16 horas. O movimento vai se juntar a tantos outros marcados para o mesmo dia em várias partes do Brasil.

A campanha ganhou força nas redes sociais. Manifestação vai acontecer dia 15 de março no Radium Hotel
A campanha ganhou força nas redes sociais. Manifestação vai acontecer dia 15 de março no Radium Hotel

“Esta manifestação vai ser feita em apoio o movimento nacional. Quem não está satisfeito com tudo isto que está acontecendo no país, os escândalos da Petrobras, a roubalheira promovida pelo PT, deve comparecer ao Radium Hotel no dia 15 e mostrar a sua indignação”, explicou Maria Pontes, que faz parte do grupo que está organizando o ato em Guarapari.

Cartaz espalhado pela cidade chama a população para participar do protesto.
Cartaz espalhado pela cidade chama a população para participar do protesto.

O diretório do PT em Guarapari divulgou uma nota ao Portal 27 sobre as manifestações previstas para o dia 15. Confira na integra:

“A oposição derrotada no último pleito teima em não descer do palanque e compreender que as eleições acabaram. Alguns mais afoitos pregam a quebra da legalidade democrática em clara inspiração golpista e estimulam manifestações de rua com total irresponsabilidade e falta de bom senso. Nós do PT-Guarapari estamos vigilantes e firmes na defesa desses 12 anos e pelo respeito aos mais de 54 milhões de brasileiros e brasileiras que sufragaram o nome da Presidente Dilma Roussef”.

Quem quiser saber mais detalhes sobre a manifestação e saber como adquirir a camisa do movimento, pode falar diretamente com Maria Pontes através do telefone 27-99974-2786.