Samuel de Paula, Thiago Benigno, Emilly dos Santos e D’eric dos Santos, estes são os nomes dos 4 atletas de Guarapari escolhidos para representar a cidade e o estado no maior evento de lutas casadas infantis do Brasil, juntos em torno de um objetivo, conquistar a honra e a glória para a equipe, se tornando os donos do cinturão, se firmando como os melhores do país em cada categoria.

O evento será realizado em um colégio do município de Itaboraí, no estado do Rio de Janeiro, e que tradicionalmente já realiza eventos de lutas e competições de jiu-jitsu. Esta, porém, será a primeira edição do torneio de lutas casadas infantil, e para isso, reuniram os melhores atletas de todos os estados do Brasil, inclusive, sendo necessário para que fossem selecionados para competir, que os atletas portassem algum título internacional.

Wendel Lopes de Paula, treinador de dois dos atletas e integrante da equipe, comentou sobre a competição e sobre a emoção que sente em ver os jovens sendo escolhidos para participar, visto que todos chegaram até lá através de projetos sociais, que ensinaram e treinaram eles de graça.

“A competição será de 38 lutas e todos os atletas que vão participar precisam ter no mínimo um título internacional, todos os nossos tem 2 ou mais, foi isso que os fez serem chamados, nós enviamos o currículo deles e os organizadores entraram em contato, foram chamados pela excelência, não por pagar inscrições, coisa que o torneio nem permite”, conta Wendel.

Que continua. “É muito bom ver eles disputando para se tornarem os melhores do Brasil, disputando com pessoas de todos os estados, todos eles chegaram até aqui através da ajuda dos projetos sociais e por excelência própria, que se esforçam diariamente para chegar onde estão, em alto nível”.

Samuel, que tem 8 anos e é campeão Pan-americano, Sul-americano e campeão de Abu Dhabi de Jiu-Jitsu. Irá disputar o cinturão na categoria de 8 e 9 anos, faixa amarela e peso 29 quilos. O jovem, também muito animado com o campeonato, fez um breve comentário: “Eu estou treinando muito, treinando bem, e vou seguir meu sonho no caminho para ser dono do cinturão”.

Já o segundo atleta dos quatro que irão sair de Guarapari e viajar até o Rio de Janeiro no dia 6 de novembro, é Thiago Benigno.

Thiago tem 14 anos e é campeão Sul-americano e Abu Dhabi de Jiu-Jitsu. Ele disputa na categoria de 14 e 15 anos, faixa laranja e peso até 62 quilos. O adolescente também fez um comentário sobre o torneio e a preparação que ele faz.

“Eu estou aqui fazendo a preparação de terça a quinta. Eu faço crossfit, treino jiu-jitsu todos os dias e de maneira muito focada, de 8 às 10 horas da noite. E quero muito esse título, vou trazer o cinturão pra minha cidade e minha equipe, orgulhando todos eles.”, comentou Thiago.

A terceira atleta, Emilly dos Santos, de 14 anos e campeã do Abu Dhabi de Jiu-Jitsu, além de ser também campeã brasileira de luta livre e a terceira melhor do mundo na luta livre, irá disputar na categoria 14 e 15 anos, faixa laranja e verde, com o peso até 58 quilos. Ela comentou sobre a preparação e os sentimentos para este torneio que se aproxima.
“Eu espero que todo meu esforço e todo meu treinamento possa ser recompensado nesse campeonato, eu estou muito animada e ansiosa. Pretendo dar meu máximo, o meu melhor, e vou trazer o cinturão para a cidade.”, relatou Emilly.

Por fim, temos D’eric dos Santos, de 14 anos e bicampeão Sul-americano, que irá disputar a categoria de 14 e 15 anos, faixa amarela, com o peso de até 60 quilos. D’eric, assim como os outros integrantes da equipe, contou sua rotina de treinos e a intenção de trazer o cinturão para Guarapari.

“Eu treino três vezes por semana porquê quero conseguir o meu primeiro cinturão, eu treino com pessoas diferentes sempre, dessa forma eu posso variar o meu treino. Eu espero conseguir vencer minha primeira luta, representando minha cidade e meu projeto.”, contou D’eric.

O torneio está sendo organizado pela Confederação Brasileira de Jiu-Jitsu e os atletas guaraparienses irão viajar para o Rio de Janeiro no dia 6 de novembro, onde vão disputar o cinturão em cada categoria que estão representando.

Deixe seu comentário