Banner TOP
JB Padrão

A cidade mais famosa do Espírito Santo, ainda esconde várias belezas em pontos pouco explorados turisticamente. Se durante várias décadas, a cidade sempre foi vista apenas como um balneário de mineiros, agora, muita pessoas começam a conhecer outros encantos de Guarapari, principalmente no interior, na região rural. Com o privilégio que poucas cidades têm, de sair das praias e em menos de dez minutos desfrutar de um clima de montanha, Guarapari tenta se preparar para o que convencionalmente é chamado de agroturismo.

Rota da ferradura

Um dos primeiros passos é a tentativa de se criar a Rota da Ferradura, que seria um caminho que passaria pela região de Boa Esperança, contornando até Buenos Aires, formando assim uma curva parecida com uma ferradura. A ideia já existe a alguns anos, unindo o poder público, iniciativa privada e moradores. O objetivo é que o turista que vem a Guarapari, tenha além das praias, uma boa opção de lazer ao seguir pela região rural da cidade.

De acordo com Cílio Lyra dos Santos, que é nascido e criado na região de Boa Esperança, o turista não vai se arrepender. “Eu sou suspeito de falar. Mas o turista que vem aqui fica encantado. Eu destaco as águas da nossa região, que são o nosso tesouro”, explica ele, referindo-se as diversas nascentes que existem na localidade e que cortam várias propriedades formando um cartão postal inesquecível.

Estrutura

Apesar de toda a beleza oferecida pela natureza, ainda não existe o roteiro oficial, mas quem quiser conhecer a rota vai se surpreender com as maravilhas que estão pelo caminho. Um dos destaques é sem dúvida a pousada Riacho das Pedras, verdadeira joia localizada em Boa Esperança. Lá, fazendo uma reserva, é possível desfrutar das piscinas, área de churrasqueira, saunas entre outros confortos em perfeita harmonia com a natureza.

Recantos caseiros

Mais à frente um lugar rústico e delicioso onde o turista pode experimentar uma comida caseira de primeira qualidade, com a natureza exuberante de cenário. É o Rancho do Osmar, que é ideal para trazer a família e passar várias horas de descanso. Outro excelente restaurante localizado mais acima, é o Cantinho da Roça, com uma comida de ótima qualidade e atendimento especial. Simplesmente imperdível.

Produtores

Subindo e completando o circuito, podem ser encontrados vários produtores rurais, que trabalham duro diariamente para levar comida aos moradores da cidade. Um bom exemplo é o produtor rural Sérgio Carminati que produz farinha, fubá e tapioca. Além destes produtos que são vendidos na feira livre de Guarapari, a sua família produz ainda um delicioso queijo, feito com carinho pela mãe de Sérgio, Dona Pierina Brambati Carminati.

Além de pequenos produtores, existe na região de Boa esperança uma agroindústria de polpa de frutas, a Summer Fruit, que ainda não é aberta ao público, trabalhando diretamente com empresas. Bem próximo dali também está a Fazenda Machado, onde há um sistema de Colhe e Pague, com grande variedade de belas hortaliças.

Buenos Aires

Após conhecer estes pontos em Boa Esperança, a Rota da Ferradura continua. Chegando a região de Buenos Aires, podemos encontrar vários produtores rurais e algumas vendas com produtos caseiros. Aliás, falando em produtos caseiros, se você for até lá, deve procurar a associação de moradores, que funciona perto da Igreja e perguntar pelas mulheres doceiras. Por quê? Por que elas produzem as mais diversas iguarias, tais como: bolos, biscoitos e outras tantas delícias imperdíveis, que vão fazer você esquecer a dieta por alguns momentos.

Depois disso, vale a pena dar uma esticada até o Vale do Limão, região próxima a Buenos Aires, e visitar a Pousada Águas da Montanha. Com espaços para lazer, pista de bocha e piscina, além de se hospedar e curtir a natureza, é preciso também uma pausa para se experimentar uma comida deliciosa, feita no fogão à lenha. A nossa dica é que você experimente o frango com quiabo ou macarrão.

Bebidas

Para finalizar este roteiro, você pode conhecer a cachaçaria Vila Anunciatta, que vem sendo apontada como uma das grandes novidades do Brasil. Lá depois de conferir todas as belezas naturais da região, você pode degustar as cachaças e licores ali produzidos e também conhecer todo o processo de fabricação das bebidas.

Potencial pronto

Como você pôde observar, apesar de não estar oficializada, a Rota da Ferradura possui imensos encantos. Falta agora união dos interessados para transformar este roteiro em tradição no agroturismo capixaba. Como é o caso de Venda Nova do Imigrante, que após uma década do início dos investimentos em agro turismo, hoje é referência nacional no setor.

Institucional Basic Idiomas
Banner Marcelo
Institucional MAllagutti

Padrão

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here