O Convento da Penha ganhou, nesta quarta-feira (27), iluminação verde, cor que representa a Defensoria Pública, Instituição que presta assistência e orientação jurídica gratuita a pessoas e grupos juridicamente necessitados ou em situação de vulnerabilidade.

Segundo o presidente da Associação dos Defensores Públicos do Espírito Santo, Adepes, Renzo Gama Soares, a ideia, ao iluminar do Convento na cor da Defensoria, é ampliar a aproximação com a sociedade, sensibilizando tanto a população, quanto as autoridades, sobre a necessidade de se fazer cumprir o artigo 134 e o artigo 5º, inciso LXXIV da Constituição Federal. Este último dispositivo assegura que todo indivíduo, brasileiro ou estrangeiro, tem direito fundamental de acesso à Justiça.

FER_7735
Até o próximo dia 3, o Convento da Penha ficará iluminado de verde, cor da Defensoria Pública. Foto: Luciana Moulin.

Ao longo do chamado Maio Verde, a Associação Nacional dos Defensores Públicos (Anadep) em parceria com as associações estaduais e Defensorias Públicas, realiza a campanha nacional “Defensor Público – transformando a causa de um no benefício de todos”, com foco na temática Demandas Coletivas.

A campanha deste ano tem como foco mostrar que a Defensoria dispõe de mecanismos para otimizar sua atuação, podendo solucionar problemas de muitos cidadãos por meio de uma única ação. Até o próximo dia 3 de junho, o Convento permanece iluminado de verde.

Deixe seu comentário