Ontem (02) à noite, uma denúncia chegou a redação do Portal 27. De acordo com informações de moradores do bairro Una, o único médico da Unidade de Saúde da Família (USF) da comunidade havia sido transferido para Reta Grande.

“Deslocaram o único médico que atendia no bairro e o transferiram para a Reta Grande. Agora, estamos sem médico aqui. Isso é um absurdo”, disse uma moradora que preferiu não se identificar. Porém, a situação, segundo a Prefeitura não é bem essa.

De acordo com a Assessoria de Comunicação do município, um médico foi sim transferido, porém, há outro que atende todos os dias na USF. “De fato, um médico do Programa Federal de Valorização da Atenção Básica (PRVAB), que atendia na unidade foi removido para Reta Grande. Entretanto, há um médico que atende todos os dias lá”, informa.

Dificuldade para encontrar médico no interior

A transferência era necessária. “No último concurso feito com chamada para médicos, nenhuma se inscreveu para atender em comunidade do interior”, informa a nota. A necessidade nos locais mais afastadas é muito grande.