A Polícia Civil investiga se um corpo encontrado no último sábado (11), em Guarapari (confira aqui), é do vendedor Fernando César Faria, 45 anos, que está desaparecido desde a noite do dia 23 de setembro.

As informações são do Gazeta Online. Segundo relato de amigos, Fernando teria saído do bairro Parque das Gaivotas, em Vila Velha, onde reside, com destino a Guarapari para se encontrar com uma mulher. Segundo a reportagem, o cadáver foi encontrado a cerca de 1,5 km de onde foi abandonado o carro de Fernando, um Kia Cerato cor cinza. O veículo foi localizado no dia seguinte ao desaparecimento, no km 47 do Contorno de Guarapari, próximo ao trevo da cidade.

397913_4806164347500_904693449_n-1487671
Fernando César Faria, 45 anos, que está desaparecido desde a noite do dia 23 de setembro. Foto Arquivo pessoal.

No carro estavam os documentos do vendedor, mas sem o GPS, o celular e a chave. E não havia sinais de luta. O veículo apresentava lama em suas laterais, o que, segundo a polícia, sugere que passou por uma estrada de chão antes de ser abandonado na rodovia. O delegado José Lopes, titular da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), afirmou que o cadáver foi encontrado com calça cargo jeans, camisa gola polo azul clara e tênis da marca Puma cores amarelas e azul. “Até a cueca preta dele era de marca. O que chamou muita nossa atenção: muito bem vestido, o que não é o padrão”, afirmou.

O corpo tem duas tatuagens próximas ao peito com a imagem de duas crianças e, no braço, a escrita “Cielo”. Uma costela está quebrada e há cinco perfurações, que podem ter sido feitas por disparo de arma de fogo ou por animais. A perícia ainda está sendo finalizada.

10407172_10202465893064108_936372419094032562_n-1487684
Segundo o delegado, a família de Fernando afirma que ele não tinha tatuagens e que as roupas não são dele. Foto Arquivo pessoal.

Segundo o delegado, a família de Fernando afirma que ele não tinha tatuagens e que as roupas não são dele. Conhecidos do vendedor alegam que, no dia do desaparecimento, ele vestia calça jeans e camisa social verde escura com listras cinzas. “A gente está divulgando a informação para saber se o corpo é do Fernando ou de alguém que estava com Fernando. A polícia não acredita em coincidência. Mais ou menos 20 dias depois do desaparecimento, aparece um corpo no local onde o veículo do Fernando foi abandonado. O médico legista informou que o corpo já está ali há mais de 15 dias. Então, próximo ao dia do desaparecimento de Fernando. A gente vai fazer o exame de DNA e também o exame papiloscópico das impressões digitais para verificar essa possibilidade. Pode não ser o Fernando, mas pode ter correlação com o desaparecimento dele”, explicou.

De acordo com a reportagem, o corpo foi achado em uma espécie de lixão, onde são desovadas carcaças de animais mortos, o que dificultou a localização. O casal que estava hospedado na casa de Fernando no dia do desaparecimento ainda será ouvido pela polícia. Ajudam nas investigações ainda a Polícia Militar e a Polícia Civil de Guarapari. Quem tiver informações sobre Fernando pode ligar para 181.

Com informações da Gazeta.