Um caso lamentável em Piúma causou revolta de muitos moradores da cidade durante a última semana. Uma senhora de 82 anos precisou ser internada no último dia 14, após ser maltratada na casa onde vivia com a filha. A idosa foi resgatada com vida e está no hospital em estado grave.

Sem título1
Senhora de 82 anos estava sendo maltratada pela própria filha.

Vilma Alves já estava com a saúde bastante debilitada e não consegue se levantar da cama. Mesmo com a mãe acamada, a filha Virginia Alves é acusada de maltratar àquela que lhe deu a vida. Shirlei Marques, que tomava conta da idosa foi quem denunciou o caso a polícia. “Ela vivia em uma situação horrível. O cachorro ficava dentro da residência, onde todas as janelas e portas ficavam fechadas e não tinha ventilação. O local era de muito mau cheiro e falta de higiene. O colchão pingava urina. Ela pedia socorro quando a filha não estava perto, pois tem medo dela. Quando eu estava lá, a idosa pediu água e ela, na minha frente, deu água quente para a mãe”, revelou.

Sem título
A idosa continua internada no hospital.

A idosa está internada no Hospital Nossa Senhora da Conceição. De acordo com a diretora da unidade, Vasti Moreira Franco, Vilma continua em estado grave. “Ela está muito magra, apresenta úlceras por pressão e está respirando com auxílio de balão de oxigênio”.

Ainda de acordo com diretora da unidade, existem informações de que a filha tentou sufocar a mãe com uso de gazes e a máscara de oxigênio, na noite de terça-feira (14). Em virtude dessa acusação, a filha não poderá visitar a mãe no hospital. “Por uma questão de segurança, e temor das profissionais da unidade, ela será impedida de entrar no hospital. Caso descumpra a determinação a policia será acionada”, explica a diretora Vasti Moreira Franco.

O caso está sendo investigado pela Polícia Civil. O delegado responsável, Milton Sabino, diz que vai pedir a prisão da acusada. “A própria idosa relatou a terceiros que foi agredida pela filha com puxões de cabelo, empurrões e tapas”. Além de maus tratos e agressão à idoso, o delegado indiciou a filha Virginia Alves por apropriação da aposentadoria. Já a acusação de tentativa de homicídio que aconteceu no hospital continua sendo investigada. O pedido de prisão já foi encaminhado a Justiça. “Tenho 30 anos de profissão e ficamos chocados com o caso”, afirmou o delegado.

Comments are closed.