A Festa da Penha atrai muitos fiéis. Para garantir a tranquilidade durante o evento, a  Polícia Militar (PM) está disponibilizando mais de 700 policiais. Eles se dividiram nas tradicionais romarias e nos shows musicais. O policiamento começou a ser reforçado no domingo (31) e será empregado nos trajetos das romarias e no Parque da Prainha, em Vila Velha, onde se concentra grande parte da programação religiosa.

Policiais do 4º Batalhão e das unidades especializadas da Corporação, como Ronda Ostensiva Tática Motorizada (Rotam), Batalhão de Missões Especiais (BME), Batalhão de Polícia de Trânsito e Regimento de Polícia Montada (RPMont) estarão presentes durante todos os dias de festa, que acontece até o dia 8 de abril.

Mais de 700 policiais farão a segurança do evento. Foto: Arquivo institucional.
Mais de 700 policiais farão a segurança do evento. Foto: Arquivo institucional.

 “Vamos reforçar o policiamento para oferecer tranquilidade a quem vem prestigiar a maior festa religiosa do Estado e esperamos que as pessoas venham realmente para a devoção. Que seja um ato de fé religiosa como a festa propõe. Há três anos não registramos ocorrências graves durante o evento no município de Vila Velha e vamos estar presentes para garantir essa tranquilidade também este ano”, diz a comandante do 4º Batalhão da PM, tenente-coronel Sônia do Carmo Grobério.

O reforço policial passa a ser mais intenso a partir do dia 5 de abril, quando começam os shows musicais e as romarias. O esquema de segurança está sendo montado em parceria com as prefeituras de Vitória, Vila Velha e a Polícia Rodoviária Federal (PRF) para que o trânsito esteja organizado para a passagem dos fiéis durante as romarias e que rotas alternativas para os veículos não deixem o trânsito prejudicado.

Deixe seu comentário