A família do pequeno Denner Ribeiro, de 6 anos de idade, está se mobilizando nas redes sociais para conseguir recursos. Diagnosticado com paralisia cerebral e epilepsia focal, Denner não fala, não anda e não consegue ficar sentado por muito tempo sem apoio. Pensando em aumentar a ergonomia e em melhorar a qualidade de vida do menino, a família está vendendo rifas para comprar equipamentos de alto custo.

Denner. A mãe de Denner, Juliene Ribeiro, afirmou que o filho só foi devidamente diagnosticado após os 5 meses de idade. “Aconteceram algumas negligências médicas. Quando ele completou 2 meses, desconfiei de que havia algo de errado e levei à pediatra. Ela disse que ele estava bem, que só era um pouco mais atrasado por ser prematuro. Aos 5 meses, a mesma pediatra conseguiu verificar que tinha algo diferente e fomos consultar com um neurologista.”

Buscando saber a condição do filho, Juliene se deparou com diagnósticos incorretos. “De início queriam jogar qualquer diagnóstico e entupir meu filho de remédios desnecessários. Disseram que ele estava com Zika Vírus, que tinha microcefalia, porque na época acontecia bastante. Pedi exames e confirmamos que não era esse o diagnóstico, e sim que Denner teve falta de oxigenação no cérebro. Desde os cinco meses, ele faz fisioterapia e todos os médicos são em Vila Velha e Vitória, porque lá tem mais estrutura para pessoas com deficiência”.

Juliene contou à Redação que, apesar de todas as adversidades, seu filho é uma criança muito alegre e sorridente. “Denner é um menino incrível, carinhoso e quer fazer amizade com todo mundo. É o menino mais alegre que eu conheço: apesar de tudo o que ele passou, com muitas internações, ele nunca tirou o sorriso do rosto”.

“Ele ama brincar de futebol, de carrinho, adora ir à praia. Apesar de não falar, ele é muito inteligente: aprendeu sozinho a apontar as coisas que ele quer, sabe agradecer, despedir e mandar beijos. Sabe também como mexer em celular, e adora assistir vídeos”, afirmou Juliene.

Cirurgia. A mãe também conta que o filho sente bastante dor e sofre limitações devido à condição. “Ele não mexe muito bem o lado esquerdo do corpo, sente dor por conta do encurtamento dos tendões nas pernas”, explicou.

Juliene também explicou ao Portal 27 que Denner será submetido a procedimentos cirúrgicos. “Ele vai fazer uma cirurgia no quadril e nos tendões atrás dos joelhos”, contou.

A rifa. Para melhorar a qualidade de vida de Denner, a família resolveu fazer uma rifa de um Tablet, para financiar o equipamento que tornará realidade um grande sonho: ver Denner dar seus primeiros passos.

“A sensação é de amor. É muito incrível pensar que ele vai poder dar os primeiros passos com o equipamento auxiliando. Eu o amo tanto… Filtro o melhor da vida e das pessoas, e mostro como é bom estar aqui. Sei que ele vai poder conquistar muito mais”, comenta a mãe.

“Queremos comprar um colete de retificação de postura, um parapodium e um andador”, contou Juliene. “Esses equipamentos vão auxiliar Denner nas atividades e na fisioterapia… Vai poder andar, ser mais independente, brincar com outras crianças”.

A rifa custa R$ 2,50 e terá seu sorteio divulgado no Instagram @denne_r27 no dia 13 de dezembro, às 21h. Quem quiser contribuir com a iniciativa poderá fazer o pagamento por Pix, no número 27988670615, ou pelo PicPay @juliene.dsr