Dias depois de sair da prisão na operação Derrama, o ex- prefeito Edson Magalhães está bem cotado no mundo político. Logo após ser libertado, seu nome era destacado como reforço na equipe de secretários do prefeito Orly Gomes (DEM), que já deixou transparecer que teria uma vaga prontinha para ele em seu governo.

Bom lembrar que Edson tem várias condenações na justiça que o impediriam de assumir como secretário ou ter qualquer ligação com poderes públicos. Isso sem contar a lei da Ficha Limpa Municipal aprovada recentemente na Câmara.

“O Edson já estava vitimado por não conseguir disputar. Fui na posse do Orly e, ao fazer referencia ao nome dele, o pessoal aplaudiu muito”

 

Ex-prefeito pode ir para o DEM.
Ex-prefeito pode ir para o DEM.

Mesmo assim, além de ser cotado como secretário de Orly, Edson agora tem um verdadeiro cabo eleitoral. Ontem (11) no jornal A Tribuna, o prefeito de Vila Velha Rodney Miranda (DEM), disse que quer Edson em seu partido e mais do que isso, quer o ex-prefeito de Guarapari, candidato a deputado estadual ou federal, pois segundo ele Edson teria fortes ligações com o seu partido. “É uma pessoa ligada ao Orly e ligada ao Theodorico”, disse.

Prisão fortaleceu

Ainda de acordo com Rodney, a prisão de Edson não prejudicou a sua imagem, pelo contrário, até fortaleceu. “O Edson já estava vitimado por não conseguir disputar. Fui na posse do Orly e, ao fazer referencia ao nome dele, o pessoal aplaudiu muito”, explicou.

Pelo que se vê, o prefeito Edson Magalhães deve aportar com seu cacife político no Democratas. Caso consiga liberação da justiça, já seria um forte nome como deputado federal ou estadual.

Deixe seu comentário