Para garantir mais bem estar à comunidade, melhores condições para a prática da atividade pesqueira, além de oferecer oportunidades para o turismo no município de Itapemirim, o Governo do Espírito Santo já iniciou as obras de expansão e contenção de erosão na Praia de Itaipava. As obras são realizadas pelo Departamento de Estradas de Rodagem (DER-ES) e somam um investimento de R$ 20.531.433,34.

Em cerimônia solene realizada na manhã desta sexta-feira (09), o governador Renato Casagrande oficializou o início dos serviços e visitou as obras. A solenidade teve início às 10 horas, na Avenida Beira Mar, localizada na Praia de Itaipava, e contou com a presença do deputado estadual Glauber Coelho, dos secretários de Estado, Ênio Bergoli e Klinger Barbosa, da diretora geral do DER, Tereza Casotti, além do prefeito Luciano de Paiva e demais autoridades da região.

itaipavaderthiago (16)

“O município aguardava ansiosamente por essa intervenção, que vai dar mais dignidade aos pescadores, reforçar as atividades da pesca – que são referência nacional, além de dar à praia de Itaipava a valorização que ela precisa para atender aos turistas. Itapemirim receberá toda a atenção do Estado para crescer e se desenvolver com inclusão da sociedade. Temos em nossa gestão a premissa de fazer mais para quem mais precisa, além de descentralizar o desenvolvimento, para que possamos gerar mais oportunidades e qualidade de vida aos capixabas, em todas as Regiões”, afirmou o governador.

 Obras

Ao longo de anos a Praia de Itaipava vinha sofrendo um forte processo de erosão, causada pela Maré e ventos. O resultado foi o avanço do mar sobre a faixa de areia em parte da praia, e o assoreamento de areia em outra ponta da praia.

itaipavaderthiago (5)

Para recuperar a faixa de areia e conter o avanço da erosão, o DER vai construir um enroncamento de pedras (espécie de píer) com aproximadamente 450 metros de extensão. Nesses serviços serão utilizadas aproximadamente 220 mil toneladas de pedras.

Além disso, o DER vai realizar a dragagem da areia acumulada em parte da praia e a implantação de aterro hidráulico em uma extensão de um quilômetro. Após a conclusão do aterro a praia terá 50 metros de largura.

“Todas as intervenções têm como principal objetivo estagnar o processo erosivo. Simultaneamente as obras vão garantir melhores condições de balneabilidade segura, devolvendo a praia aos banhistas e aos pescadores” informou a diretora Tereza Casotti.

itaipavaderthiago (22)

 Projeto para novo terminal pesqueiro

O Governo do Espírito Santo entregou, em 10 de julho, à Prefeitura Municipal de Itapemirim um projeto para a construção do novo porto de Itaipava. A elaboração foi supervisionada pela Secretaria de Estado da Agricultura, Abastecimento, Aquicultura e Pesca (Seag) e tem o objetivo de possibilitar toda logística do pescado para que o produto já saia do porto nas condições de chegar à mesa do consumidor.

“O Governo do Espírito Santo já realizou um grande investimento para melhorar as condições dos pescadores de Itaipava, já que 25% do pescado do Espírito Santo desembarca por aqui. Elaboramos um projeto conceitual, que vai contar com terminal pesqueiro e outras unidades para que todo o trabalho com o pescado seja feito no porto e o produto saia daqui pronto para o consumo”, destacou o secretário.

itaipavaderthiago (14)

Além do terminal pesqueiro, o projeto também prevê a construção de unidade de beneficiamento, unidade de processamento, unidade de logística e comercialização, além do local para atracamento de embarcações.

Na colônia de pescadores de Itaipava há 300 embarcações e cerca de 2.500 pescadores, considerando aqueles que residem no local, mas não pescam em frotas capixabas, mas sim de outros estados do país. A praia do distrito de Itaipava e de Itaóca possui cerca de 2,5 quilômetros de extensão.

Fonte: Governo do Estado.
Fotos:  Thiago Guimarães.

Deixe seu comentário