Apesar das chances do óleo atingir Guarapari ser muito pequena, segundo especialistas, a Prefeitura realizou na manhã desta terça-feira (19), através da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Agricultura (Semag), um treinamento com os guarda-vidas da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa),  e as equipes de limpeza e paisagismo da Companhia de melhoramentos e Desenvolvimento Urbano de Guarapari (Codeg) , sobre a situação do óleo no Estado.

Especialistas não confirmam óleo no mar de Guarapari

O treinamento aconteceu no auditório da Secretaria Municipal de Educação (Semed), e contou com mais de 80 participantes, segundo a prefeitura.

O treinamento preventiva para atuar caso as manchas de óleos cheguem a Guarapari aconteceu na Semed. Foto: Divulgação PMG

“Nós temos um plano de ação municipal e estamos fazendo tudo com a orientação do Comitê Estadual de Gestão de Crise”, disse a Secretária de Meio Ambiente, Thereza Christina Barros.

Nesta “Essa capacitação é importante para nós que atuamos nas praias e precisamos saber orientar os turistas. Vimos aqui que o óleo é toxico e esse treinamento mostrou o que devemos fazer em caso de recolhimento de material e isolamento de área, caso necessário”, disse o gerente de salvamento marítimo, Leonardo Silva.

Eliene Arruda é gari há oito anos e disse que muita gente já pergunta o que vem sendo feito no município. “Quando estamos na rua, fazendo o nosso trabalho, tem gente que pergunta como vai ser se esse óleo chegar aqui e como vai ser a limpeza. Agora com esse treinamento já sabemos como faremos esse recolhimento do material e a limpeza das nossas praias”, finalizou Eliene.

Comissão Temporária do Senado Federal virá ao ES 

A Comissão Temporária Externa do Senado Federal aprovou, nesta terça-feira (19), o requerimento proposto pelo senador Fabiano Contarato (Rede-ES), que preside a Comissão, para que seja realizada uma diligência no Espírito Santo. A agenda será na próxima quinta-feira (21).

O presidente da Comissão, senador Contarato, mais membros da bancada capixaba no Congresso Nacional se reunirão com o governador Renato Casagrande para acompanhar o trabalho preventivo e as ações de combate às manchas de óleo.

A Comissão Temporária Externa do Senado Federal, também, aprovou diligência ao estado do Amapá, em data a ser marcada, e acréscimos ao seu plano de trabalho.

 

Deixe seu comentário