O presidente Jair Bolsonaro manifestou esta semana, a preocupação com casos de homens que têm pênis amputados por falta de higiene íntima. 

O presidente afirma que com os dados, o Brasil está no fundo do poço.

Os dados são da Sociedade Brasileira de Urologia (SBU). Cerca de mil homens têm o pênis amputado parcial ou totalmente todos os anos. E o motivo? Em sua maioria, falta de higienização adequada nessa região do corpo.

“Quando se chega a um ponto desses, a gente vê que nós estamos realmente no fundo do poço. Nós temos que buscar uma maneira de sair do fundo do poço ajudando essas pessoas, conscientizando-as, mostrando realmente o que eles têm que fazer, o que é bom para eles, é bom para o futuro deles, e evitar que se chegue nesse ponto ridículo, triste para nós, dessa quantidade de amputações que nós temos por ano.”, declarou Bolsonaro.

A limpeza correta da genitália evita infecções causadas por fungos e bactérias, diminuindo os chances do desenvolvimento de câncer peniano. Por isso é essencial que o homem limpe a região com sabonete e água abundantes, removendo todas as secreções, principalmente as que ficam nas dobras na região do prepúcio.

A secagem correta da região também é essencial, ou seja, usar uma toalha úmida para enxugar o pênis muitas vezes não resolve, é preciso utilizar uma seca ou papel higiênico.

Deixe seu comentário