O governador do Espírito Santo, Renato Casagrande, afirmou ontem (28) que as atividades econômicas terão que ser “fechadas” caso o número de óbitos por Covid-19 aumente no Estado. De acordo com o governador, houve um aumento na taxa de transmissão do coronavírus e, por isso, Casagrande alertou sobre as aglomerações nas praias e na região serrana do Espírito Santo.

Renato Casagrande afirmou ontem (28) que as atividades econômicas terão que ser “fechadas” caso o número de óbitos por Covid-19 aumente.

“Com a taxa de transmissão aumentando, vai aumentar a ocupação dos leitos e os óbitos. Bom compreender que não resolvemos a pandemia, a pandemia está presente e precisamos contar com a responsabilidade de cada um de nós. Se a gente quiser que as atividades econômicas e sociais continuem funcionando, precisamos mudar nosso comportamento. Se não mudar, daqui a pouco teremos que tomar medidas restritivas porque a matriz de risco aponta: se aumentar óbito, vamos ter que de novo fechar”, alertou o governador.

Aglomerações. “A gente viu no fim de semana praias lotadas, montanhas lotadas e festas, infelizmente. A gente viu no feriado também aglomerações grandes e o resultado já está aparecendo de forma negativa: taxa de transmissão aumentando”, declarou o chefe do Executivo.