JB Padrão
Banner TOP

O orçamento 2019 no valor de R$ 396.796.711, 53 foi publicado no Diário Oficial, nesta terça-feira (05), e deve ser executado pela prefeitura. O presidente da Mesa Diretora, vereador Enis Gordin (PRB), promulgou o orçamento integralmente, conforme prevê a Lei 4.300/20019, na última sexta-feira (01), após o prefeito se recusar a realizar a promulgação.

Enis Gordin (PRB), promulgou o orçamento integralmente, conforme prevê a Lei

“Sei que o prefeito vai trabalhar certinho porque ele é inteligente”. 

O chefe do Executivo já havia vetado o projeto porque não concordava com os 5% de suplementação orçamentária, mas o veto foi derrubado pelos vereadores. Durante entrevista coletiva, realizada nesta segunda-feira (04), o presidente afirmou que a medida vai entrar para a história da Câmara porque não se tem conhecimento de a Casa tenha precisado promulgar orçamento em anos anteriores.

“O orçamento foi promulgado por esta Casa e se tornou Lei com as emendas, incluindo os 5% de suplementação. Sei que o prefeito vai trabalhar certinho porque ele é inteligente suficiente”, disse o presidente.

Comissão. O presidente da Comissão de economia e Finanças, vereador Marcos Grijó (PDT) ressaltou a importância das emendas realizadas pelos parlamentares no orçamento. “Nós entendemos que a muito tempo o município não olha para alguns bairros. Essas emendas são obras importantes para dar mais mobilidade urbana e mais facilidade de acesso do cidadão a saúde e segurança. Por exemplo, tem a aquisição de jet ski para o salvamento marítimo. Nossos salva-vidas hoje não tem equipamento nenhum. As emendas também tratam do asfaltamento em vias como o chamado asfalto velho, no Nossa Senhora da Conceição, e em ruas de Santa Mônica. Tem também a compra de ambulâncias com UTI. Então são emendas que pulverizam o orçamento”, afirmou Grijó.

Suplementação. Enis também explicou que o valor liberado do orçamento prevê o pagamento dos servidores e de despesas da administração municipal bem como a realização de investimentos na saúde, educação, obras, turismo, cultura, assistência social, esporte, meio ambiente e agricultura.

E que além dos mais de R$ 396 milhões, o prefeito ainda pode contar com a suplementação de 5%, o que equivale a R$ 20 milhões, e ainda pode pedir mais, de acordo com a necessidade até completar 30%. “Não vai faltar remédio nem pagamento dos funcionários. Não vai faltar nada. Nós só vamos fiscalizar melhor o que está acontecendo com o dinheiro para não acontecer gastos desnecessários como os banheiros químicos com ar- condicionado porque nós somos cobrados todos os dias o porque está acontecendo a compra de coisas que não acrescentam nada para nossa população”, finalizou o presidente.

Banner Marcelo
Institucional Basic Idiomas
Institucional MAllagutti

Padrão

10 COMENTÁRIOS

  1. Como uma cidade turistica quer ser relevante no cenário nacional se nem mesmo o básico aqui temos, que é a informação , tem turistas que ficam horas procurando um endereço ,pois nossa ruas não tem nenhuma placa e muito menos sinalização que indica direção dos bairros , o bom exemplo vem de Vila Velha e Vitória , onde existem placas em todos os locais , é uma pena.

  2. o bairro de condados tambem precisa de uma atenção maior uma praça em bom estado e tambem mais atencão pra as crianças daquela comunidade a comunidade agradeçe.

  3. Guarapari tem um problema grave de evasão fiscal. raros são os estabelecimentos que emitem notas ou cupons fiscais, ou seja a superlotação de turistas na cidade, não gera a receita que deveria, pois não emitindo nota o dinheiro vai pelo ralo e só ficam os prejuizos.
    Temos que cobrar também mais transparência no valor pago na conta de luz referente a contribuição para iluminação pública. um percentual altíssimo e sem prestação de contas por parte da prefeitura e CODEG. Não sabemos quanto se arrecada, quanto se gasta com energia e quanto se investe.

  4. É infelizmente o Ministério Público tem que analisar os contratos dos Shows. Guarapari precisa de muitas coisas antes destes shows pagos com dinheiro público.
    Dinheiro que pode ser melhor aplicado que em shows. Tem que abrir uma CPI para averiguar isso.
    Em várias cidades do Estado houve crimes em relação aos shows.

  5. Já que é para reduzir gastos… REDUZAM TAMBÉM OS SALÁRIOS DOS NOBRES VEREADORES!!!!!
    Mais fácil tirar da população e olhar só para o seu bolso!

  6. A rua São Salvador abaixo da escola Marta Dala no bairro São Gabriel precisa urgentemente de uma pavimentação.
    A rua está orrivel.
    E tenho um vizinho cadeirante que a mãe tem dificuldade para locomoção dele para levar a escola.
    Rua muito cheia de buracos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here