A informação da compra de novas cadeiras para a Câmara Municipal gerou discussões e críticas em Guarapari. Conforme publicação no Diário Oficial, através de processo licitatório (2063/2017), a Câmara comprou 21 cadeiras pelo valor de R$ 55.765,00 (Cinquenta e cinco mil, setecentos e sessenta e cinco reais).

Explicação. Na tarde de hoje (09) através de nota a Câmara negou que tenha homologado (assinado), a compra das cadeiras. Segundo o poder legislativo, “Cumpre esclarecer que foi procedida pela senhora Pregoeira à publicação no Diário Oficial somente do resultado do certame, não vinculando este Poder à obrigação de contratar, vez que ainda não foi homologado”, disse em nota.

Sessão de hoje teve discussões em torno da compra das cadeiras.

Cancelado. A Câmara informou ainda que “Esta Presidência não medirá esforços para a intensa análise da fase final do procedimento, o qual poderá, inclusive, ser cancelado, caso não se configure estar de acordo com o interesse público”, diz parte da nota. Confira a nota na Integra.

NOTA DE ESCLARECIMENTO À IMPRENSA

“A Câmara Municipal de Guarapari, por meio de sua Presidência vêm a público esclarecer os fatos a respeito do processo licitatório 2063/2017 que trata sobre a aquisição de 21 cadeiras giratórias para o Plenário Ewerson de Abreu Sodré.

O Processo seguiu o trâmite regular até o resultado final, entretanto ainda se encontra pendente de homologação pela autoridade competente. Cumpre esclarecer que foi procedida pela senhora Pregoeira à publicação no Diário Oficial somente do resultado do certame, não vinculando este Poder à obrigação de contratar, vez que ainda não foi homologado.

Salienta-se que toda e qualquer compra deve ser precedida de empenho e autorização de fornecimento, etapas que ainda não foram cumpridas, não havendo, até o presente momento, qualquer compra efetivada, como foi amplamente divulgado pela mídia.

Esta Presidência não medirá esforços para a intensa análise da fase final do procedimento, o qual poderá, inclusive, ser cancelado, caso não se configure estar de acordo com o interesse público.

Por fim, destaca-se o empenho e dedicação desta presidência em trabalhar com transparência para um legislativo mais unido e focado no bem-estar da população de Guarapari.  

Câmara Municipal de Guarapari, 09 de Novembro de 2017”

Sessão. Durante a sessão, alguns vereadores comentaram sobre a compra das cadeiras. O vereador Denizart Luiz disse que “desde o início do mandato eu estou alertando para o diálogo. Eu não sabia, nós vereadores deveríamos saber dessa compra. A situação dessa compra foi muito ruim, muito infeliz. Está faltando remédio, médicos. A população está sofrendo com a doença se agravando em nossa cidade. O que me deixa triste é a falta de diálogo”, falou.



Tomando a palavra, o vereador Oziel Souza disse que as compras não passam pela mesa diretora da qual ele faz parte. “Essa é uma decisão do presidente e eu tenho certeza que ele fez isso dentro da legalidade. Não tem nada escondido, tanto é que foi publicado.  Eu até achava que matérias acima de determinados valores deveriam passar pela aprovação do plenário”, disse.

Cadeira. O vereador Rogério Zanon chegou ao plenário carregando uma cadeira comprada por ele. De acordo com o mesmo, “o momento dessa compra é inoportuno, pois nossa cidade está precisando de mais saúde, mais educação, principalmente saúde, pois a falta de remédio é uma coisa crônica em nosso município”, discursou.  

O vereador Rogério Zanon, chegou ao plenário carregando uma cadeira comprada por ele.

Ainda segundo Zanon, ele não vai usar as novas cadeiras e sim a que ele comprou. “Comprei hoje, a nota fiscal está aqui, uma cadeira de ótimo padrão, num valor de 350 reais”, explicou.  

Homologação. Os vereadores Dito Xaréu e Clebinho Brambatti reafirmaram que a presidência da casa não tem interesse em homologar a compra das cadeiras. “Fui informado pela presidência que as cadeiras não foram compradas e não existe interesse em homologar o edital da compra”, disse ele.

Ainda segundo Clebinho, a presidência da casa tem feito um trabalho transparente e certamente devolverá recursos para o município.  “O presidente tem agido com responsabilidade e transparência. Temos órgãos fiscalizadores como Tribunal de Contas e Ministério Público. A população de Guarapari pode ter certeza que vai chegar ao final deste ano vendo um bom resultado, de um trabalho da mesa diretora e do presidente Wendel Lima”, afirmou.  

Institucional MAllagutti
Institucional M Conveniências [banner top]
Institucional Karla
Institucional Basic Idiomas
Banner Marcelo

Institucional Flex Motors [banner final]
Dia D Docutum


8 COMENTÁRIOS

  1. Tem dois meses que estou correndo atras pra marcar simples exames de rotina ,aqui no posto do meu bairro.
    A atendente olha pra mim e diz ” Senta e espera” .
    Bem se essas cadeiras forem compradas já sei onde vou sentar , pelo preço devem ser muitos confortadas. Assim posso esperar por mais tempo sem me cansar.

  2. Oi Robson,apenas achei feio e desnecessário seu comentário racista,mandar um Presidente sentar no colo do…em fim…tenho formação superior sim e três pós. Não quero te dar aula de nada. Me preocupo sim com a população,tanto que ajudo como conselheira as Entidades que prestam serviços essenciais de Fortalecimento de Vínculos no Município, fui eleita Delegada Nacional com maior número de votos. Senhor Robson,inclusive as Entidades como APAE,Pestalozzi,Crescer com Viver, as Pastorais e etc…estão precisando muito de serviços voluntários,eu sou voluntária dentro dos Conselhos para colaborar na captação de recursos e repassar para as Entidades.
    Por gentileza senhor Robson ,seja voluntário em uma dessas entidades, elas precisam muito da colaboração da população. Ahhh!! Se policia mais no seu vocabulário quando for fazer uma crítica, respeito é bom e todos gostam.
    O ano que vem é ano de eleição,faça bem sua escolha. Um abraço e até mais!!! Fique com Deus!!!

  3. Celia você vai dar aula de que?

    Qual a sua formação? Você tem licenciatura?

    Você se formou na escola de licitações do prefeito? Você já licitou pra alguma empresa privada? Em quanto tempo ela quebrou?

    Engraçado que foi só procurar um pouco de história pra ver como as pessoas conseguem crescer financeiramente na vida quando se envolvem com política.

    Talvez eu esteja enganado, mas não observei o desrespeito a você ou mentiras nos comentários dos cidadãos abaixo, que gerou tanto ódio em você.

    Quem paga o seu salário é o povo não se esqueça disso e me corrija se estou enganado.

  4. Ahhh tá!!! Senhor verdade e Aplausos ao Trabalhadores!!! Percebi agora que vc é um analfabeto político e covarde . Não vou dar aula pra vc aqui em qual momento o Presidente da Câmara vota e nem como funciona processo licitatório .
    Aconselho que o senhor(a) volta para a escola ou faça um curso na área de políticas públicas,legislações e etc…para saber onde e como os recursos podem ser utilizados . Não estou aqui defendendo REFIS,compra de cadeiras e falta de “medicamentos “. Minha indignação é a falta de respeito para com as pessoas. Os comentários do senhor (a) é sim caso de processo,mais infelizmente não tenho como te processar,pois o senhor (a ( se acovardou.
    Procura saber do meu trabalho por favor!!!!

  5. Celia a senhora é muito corajosa, vira até requerida em processos judicias para defender os interesses do excelentíssimo líder do executivo municipal. Nunca fiquei preso e não defendo vagabundo, o povo realmente tem que se acovardar e expor as opiniões na surdina, afinal o MP e a PGM parece não gostar de defender o povo e prefere ficar ao lado dos empresários e de folgados que fazem mau uso de dinheiro público.

    Desafio a senhora a fazer uma enquete sobre a avaliação da atuação dos seus defendidos, principalmente quanto a aquisição de cadeiras, falta dinheiro pra tudo nessa cidade de remédios a materiais de limpeza e a senhora defendendo/aplaudindo pessoas que cogitam trocar cadeira pra sentar, o chão está de bom tamanho, outra coisa virar político é conquista? A senhora deve estar de sacanagem, eu aplaudo são ações como a do cobrador que procurou a senhora pra devolver o troco.

    Como servidora a senhora deve aplaudir o povo que paga os impostos para que possa receber esses sim são dignos de aplausos e defesa.

  6. Senhor verdade,sua fala tem tanta propriedade que vc nem se identifica né covarde!!!!!!
    Vc não sabe nada da minha vida e nem do serviço que presto para o Município a 15 anos, serviço esse que sou bastante conhecida por executá-lo. E pra constar, encaro fila como todos,e quem faz esse tipo de coisas sou totalmente contra,pois não sou melhor e não preciso de utilizar meios políticos para benefício próprio. Mais uma informação que o senhor(a) não sabe: calunia e difamação é crime!!

  7. Celia agora queremos te ouvir. Você ja precisou ir a uma UPA ou posto de saúde aqui em Guaraparí? Você tem filhos? Precisou matricular eles em alguma unidade de ensino municipal? Você por acaso usa o transporte público? Você vai a praia? Senão, você tem muito a agradecer ao REFIS que o seu político ajudou a aprovar pois te trouxe uma regalia, se você usa qualquer serviço público de Guaraparí tenho a certeza que o celular do excelentíssimo vereador está na sua discagem rápida e que para usar os serviços você dá uma ligada pra ele, o nome disso é tráfico de influência isso é crime, então vai produzir algo de bom pra sociedade ao invés de ficar babando ovo de político safado

  8. Meu amigo Wendel, parabéns pelo trabalho que vc vem fazendo juntamente com sua equipe. O respeito que as pessoas não tem por elas mesmas os torna esse tipo de pessoas, dignos de pena, impugnantes. Tenho nojo desses tipos de comentários. Quem te conhece como pessoa e conhece sua família sabe da pessoa e do homem digno e merecedor pela suas conquistas.
    #Estamos juntos!!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here