Até sexta-feira (10), a Secretaria de Estado da Saúde do Espírito Santo (Sesa) recebeu 134 notificações de suspeita de febre amarela. Quatorze notificações foram descartadas. Do total de 134 casos, 25 foram confirmados para febre amarela silvestre, sendo que sete casos evoluíram para óbito – Ibatiba (03), Irupi (01), Itarana (02) e Pancas (01) –, 14 receberam alta hospitalar e quatro estão internados com quadro estável.

Os casos confirmados são de moradores de Ibatiba (09), Afonso Cláudio (02), Baixo Guandu (01), Brejetuba (02), Colatina (02), Conceição do Castelo (01), Itaguaçu (01), São Roque do Canaã (01), Irupi (01), Itarana (03) e Pancas (02). Com isso, há 95 casos em investigação com quadro indicativo também de leptospirose, febre maculosa, dengue e outras doenças com sintomas semelhantes.

Deixe seu comentário