Uma ação denominada como “preventiva” por funcionários do rotativo foi realizada com apoio da Polícia Militar e fiscais da prefeitura, notificou 21 motoristas no Centro, nesta quinta-feira (04).

A informação é do supervisor do rotativo Welver de Almeida Castilho. Ele afirmou que muitas pessoas, inclusive, lojistas estão se recusando a pagar a cobrança do estacionamento e por isso, a ação foi realizada hoje. “Agora está tudo regularizado e tem o convênio com a prefeitura e a Polícia Militar. Estamos fazendo tudo dentro da lei, mas precisamos chamar a polícia porque eles disseram que não iriam pagar de jeito nenhum”.

Segundo o supervisor do rotativo, 21 motoristas foram notificados na “ação preventiva”. Foto: Whatsapp

Ele afirmou ainda que uma nova ação será realizada. “A prefeitura ainda não liberou todos os agentes de trânsito então não está dando para cobrir tudo ainda. Como fizemos o preventivo do Centro, amanhã começa o preventivo na Praia do Morro”.

Apesar das afirmações do supervisor da empresa, a prefeitura negou que tenha realizado uma “ação preventiva”. “A Secretaria Municipal de Postura e Trânsito informa que não foi uma ação, o acompanhamento por parte da fiscalização sempre será realizado para verificar como o serviço está sendo prestado e até mesmo para orientação dos motoristas que se recusam a pagar”, explicou a nota da administração municipal.

O comandante da Polícia Militar (PM), tenente coronel Pessanha também negou que a PM tenha participado de uma ação específica do rotativo. “Pode ter sido uma ação pontual, mas não houve nenhuma ação preparada para o rotativo. Nem pretendo fazer nada neste sentido. Nós temos muito trabalho para fazer em visando a segurança do município e rotativo é outro problema, não é problema da Polícia Militar”.

Deixe seu comentário

Comments are closed.