Na 32ª sessão ordinária que aconteceu nesta terça-feira (19), no Plenário “Urias Simões dos Santos”, o vereador Tássio Brunoro (PMDB) apresentou indicações solicitando a implementação do Programa “ID Jovem”, criação de incentivo ao empreendedorismo e poda de árvores ao Executivo.

O vereador Tássio Brunoro (PMDB) apresentou indicações

Na indicação Nº 650, encaminhada ao secretário de Esportes e Juventude, Rubén Dário Garjado Veja, solicita que seja providenciada a implementação do Programa “Identidade Jovem (ID Jovem)” no município, lançado pelo Governo Federal e já contemplado em vários Estados e municípios. O Programa tem o objetivo de dar acesso a vários benefícios aos jovens que pertencem a famílias com renda mensal de até dois salários mínimos.

À secretaria de Meio Ambiente, a indicação Nº 651 solicita que seja feito a poda ou corte de uma árvore localizada as margens da BR 101, no trevo da comunidade de Jabaquara, onde o fluxo de caminhões e carretas é alto, pois a mesma está dificultando a visibilidade dos motoristas que por ali trafegam.

Encaminhada ao chefe do Executivo, Fabricio Petri, a indicação Nº 652 solicita que seja priorizado os projetos e ações voltados para a criação de incentivo ao empreendedorismo. O objetivo é reverter o quadro econômico e aquecer os setores municipais.

Brunoro fez uso da tribuna e falou sobre as indicações feitas ao Executivo. “Há algum tempo que estamos falando sobre empreendedorismo e Anchieta, que vivem um momento de dificuldade, precisa empreender nos vários ramos, pois essa é a saída para a nossa cidade. Temos investido tempo e esforços para fortalecermos o campo do empreendedorismo na cidade. Nos reunimos com a equipe da Aderes (Agência de Desenvolvimento das Micro e Pequenas Empresas e do Empreendedorismo) e, como proposta, sugerimos a realização do Dia de Anchieta, com mutirão para formalização e fomento de novos negócios no nosso município. Agora, cabe ao município a contrapartida para que, em breve, possamos ver acontecer”, disse. Aproveitou e falou sobre o “Câmara Sem Papel”, que trará economia, eficiência e transparência nos trâmites dos processos legislativos.

Deixe seu comentário