A audácia dos criminosos parece não ter limites. E nem a cara de pau. Na madrugada desta quinta-feira (30) uma moto foi furtada na frente da 5ª Delegacia Regional (Guarapari). O autor do crime já é um velho conhecido da polícia e só foi descoberto por causa de uma denúncia anônima.

Por volta das 7h30 um homem ligou para a polícia informando que uma moto estaria escondida no meio do mato em um terreno baldio a uma quadra da delegacia. Uma guarnição da PM foi ao local e constatou a veracidade da denúncia. Imediatamente a guarnição entrou em contato com a Delegacia de Crimes Contra o Patrimônio (Depatri) para avisar sobre a possibilidade da moto ser roubada.

A surpresa dos policiais não foi pequena quando eles perceberam que aquela moto estava, há poucas horas antes, apreendida na delegacia. Uma equipe da Depatri passou a fazer rondas na região para tentar identificar algum suspeito do crime e pouco tempo localizaram o dono da moto, identificado como Erick Vinícios Santos Soares, 22, e Douglas Silva dos Santos, 21.

Erick, à esquerda, é o dono da moto apreendida e mandou Douglas furtá-la na delegacia.

Logo depois da abordagem os dois admitiram que tinham cometido o furto. Douglas, que tem passagem por roubo, furto e tráfico, admitiu ter furtado a moto à pedido de Erick.

Veículo estava na frente da delegacia com várias outras motos apreendidas. Foto: João Thomazelli/Portal 27

Erick é apontado pela polícia como traficante. Em 19 de julho durante uma operação da PM ele foi preso e a moto apreendida, mas logo depois ele foi solto e a moto ficou apreendida até que o inquérito fosse finalizado. Um mês antes ele já havia sido preso com mais de cem buchas de maconha. Ele, que é morador do Bela Vista, mas atua no Coroado, nega que tenha mandado furtar a moto, mas não soube explicar o motivo de estar há poucas quadras da moto furtada com o autor confesso do crime.

A dupla foi autuada em flagrante e a prisão pedida à Justiça. A moto foi levada novamente para a frente da delegacia.

Comments are closed.