JB Padrão
Ribero e Padua
Banner TOP

Naubert Yuri, de 10 anos, foi diagnosticado há pouco mais de um mês com leucemia nos ossos e no sangue. A mãe, Ana Paula Cardoso, que está desempregada, está promovendo um torneio de futebol para arrecadar dinheiro para as despesas do trânsito do tratamento até um hospital de Vitória e também para a nova alimentação do menino.

Yuri, de 10 anos, descobriu a leucemia há pouco mais de um mês.

“Estou desempregada. Fazia faxina e vendia picolé, mas depois que ele ficou doente não pude mais trabalhar. Ele estava internado e agora precisa de cuidados em casa. Estamos sobrevivendo com a ajuda da família e amigos”, diz a mãe.

Atualmente o menino precisa usar máscaras e luvas porque está com a imunidade muito baixa. Foto: arquivo pessoal.

Ela conta que como descobriu a doença de seu filho. “Ele andava muito cansado, com muitas dores nas pernas, apareceram manchas roxas nos braços. Levei ele na UPA onde viram que as plaquetas estavam muito baixas e de lá ele já foi transferido e internado”, afirma.

Ana Paula fala que ainda não conseguiu assimilar a doença de seu filho. “Parece que minha ficha não caiu, nunca imaginei que isso pudesse acontecer com meu filho. É o pior pesadelo para uma mãe ver o filho nessas condições e quero conseguir fazer o que for preciso para ele ficar bem”, ressalta.

A mãe, Ana Paula, e Yuri. Foto: arquivo pessoal.

A mãe conta que o menino está lutando para se manter forte. “Ele sente muitas dores nas pernas, muito cansaço, não consegue andar mais de 20 metros. Mas ele não quer a cadeira de rodas, ele se esforça muito, fala que não quer se entregar, que não nasceu assim e que vai se curar. A fé dele é muito forte, até mais que a minha, ao invés de eu dar força para ele, é ele quem me dá”, diz.

Ana Paula fala que, hoje, Yuri está muito vulnerável. “Ele sempre fez judô, jogou bola, era um menino saudável. Hoje ele está em casa, mas a médica disse que ele não pode nem pensar em gripar, porque com a imunidade está baixa, ele não aguentaria nem uma gripe. Quando descobriu a doença ele fiou revoltado, perguntou por que Deus fez isso com ele, se ele nunca tinha feito mal a ninguém na vida. No inicio foi  muito difícil, mas força de vontade dele me motiva cada vez mais”, relata a mãe.

Informações sobre o torneio de futebol para ajudar no tratamento de Yuri no telefone (27)99654-3089

Camara Municipal de Guarapari – Participe
Ideally

Institucional MAllagutti
Banner Marcelo

2 COMENTÁRIOS

  1. Matéria incompleta. As informações sobre o torneio de futebol deveriam constar na matéria, e não somente o número do telefone.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here