Um grupo de cinco meninos entre 9 e 12 anos estava jogando bola, no bairro Santa Margarida em Guarapari, quando foram abordados por um homem em um carro preto, oferecendo pirulito a um dos garotos. Ao abrir o doce, os meninos encontraram cacos cortantes, parecidos com vidro, uma espécie de acrílico e pó preto.

Os pais ficaram preocupados com a situação e estão alertando para que não ocorra de uma criança comer o doce e se machucar. O vídeo mostrando os cacos está percorrendo as redes sociais em sinal de alerta.

Segundo o pedreiro, Rondineli Nogueira, 41 anos, pai de um dos garotos, ele viu quando o carro parou e abordou as crianças, e pensou que não passava de um pedido de informação.

“Um homem em um carro preto chegou, abordou as crianças e perguntou onde ficava o condomínio Minha Casa, Minha Vida. As crianças responderam e ele chamou um dos meninos dizendo: menor, chega aí. E quando o menino chegou, ele deu um pirulito”, relatou uma mãe que pediu para não ser identificada.

Uma das crianças disse que não era para comer e os demais garotos resolveram abrir o pirulito e partiram ao meio. Foi aí que viram uma espécie de pó preto e estilhaços de vidro, algo semelhante a cacos, como mostra o vídeo.

O capitão Rodrigo Lourencini, planejamento do 10º Batalhão da Polícia Militar, destacou a importância dos pais orientarem seus filhos.

“Os pais têm que fiscalizar mesmo o que os filhos estão fazendo, tanto na rua, quanto no celular e em casa. A Polícia Militar também orienta que as crianças não devem aceitar doces e nada de estranhos”. A orientação é que se procure a delegacia para registrar o fato e investigar o ocorrido.

 

Deixe seu comentário