Além das belas praias, Guarapari também possui uma região de montanhas com lindas cachoeiras que também atraem turistas na alta temporada. Mas o verão mal começou e os assaltos também já estão acontecendo na cachoeira de Pernambuco, interior da cidade, próximo a Rio Calçado.

Segundo a pedagoga, dois casais de turistas foram assaltados na cachoeira de Pernambuco, nesta quinta-feira (28). Foto: Arquivo Pessoal

A família da pedagoga Geyci Machado, de 29 anos, tem casa na região. Ela relatou que o último assalto aconteceu nesta quinta-feira (28), por volta das 14h. “Dois casais vieram correndo falando que tinham acabado de ser assaltados por três rapazes e uma mulher. Eles levaram celulares e as chaves do carro e os turistas ficaram lá um tempão porque não tinham como ir embora sem a chave dos carros, que estavam estacionados no pátio”.

Segundo ela, os assaltos têm sido constantes nos últimos dois meses. “Ainda neste mês um rapaz foi assaltado e deixaram ele só de cueca. Infelizmente, estão tendo muitos assaltos porque a cachoeira foi bem divulgada e passou a ser muito procurada pelos turistas. Agora está bem perigoso e o pessoal está bem assustado porque é uma comunidade bem pequena”.

Geyci relatou ainda que não há policiamento na região. “É muito difícil ter polícia lá. Quando acontece alguma coisa tem que esperar a polícia vir de Guarapari. Precisa ter policiamento lá, principalmente, nessa época de calor porque vem turistas de Minas Gerais e até de outros países”.

O Portal 27 procurou a Polícia Militar para saber porque não há policiamento na região e recebeu a seguinte resposta: “ A Polícia Militar se faz presente nas mais de 50 localidades da região rural de Guarapari, inclusive, Pernambuco. 

Não é possível ficar 24h parado em um local. Porém, é feito o policiamento preventivo em determinado período. Para casos de assalto no interior é preciso haver uma investigação e assim acabar com esses crimes”.

Deixe seu comentário