JB Padrão
Banner TOP

Assim como a prefeitura de Guarapari que construiu dois muros nas praias da cidade, uma em Meaípe e outra na praia do Riacho, a prefeitura de Piúma, no Sul do Estado, também pretende fazer uma obra emergencial e vai construir um muro para evitar a erosão e o avanço do mar na orla da cidade.

A erosão toma conta de quase três quilômetros da orla e já destruiu ciclovias, quiosques e parte da pista. Segundo o prefeito Ricardo Costa, a construção do muro, que está orçado em R$ 3 milhões, é urgente para uma cidade que vive do turismo.

A erosão toma conta de quase três quilômetros da orla e já destruiu ciclovias, quiosques e parte da pista.

“Não restou outra alternativa, por mais que alguns falem que seria um muro provisório, ele se torna necessário hoje. O projeto completo para que a gente possa ter autorização ambiental para a construção do muro, passou a ser confeccionado a cerca de três meses”, explicou o prefeito falando sobre o projeto do muro, que já foi encaminhado ao Instituto Estadual de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (IEMA) para liberação da obra.  

Aumento da faixa de areia.  Ainda de acordo com o prefeito, mesmo com a obra emergencial do muro, é esperada a ajuda do estado para fazer o engordamendo da praia, que é o aumento da faixa de areia, o que segundo os especialistas é a solução para conter a erosão.

“No mês de setembro está prevista a audiência. Ocorrendo tudo bem, o Estado poderá dar ordem de serviço para a empresa poder realizar o projeto. Definido isso, o estado tem o compromisso hoje conosco de licitar a obra de engordamento. Porque é uma quantidade de recurso que o município não tem condição, com suas próprias pernas, de andar por esse caminho”, afirmou o prefeito.

Institucional M Conveniências [banner top]
Institucional MAllagutti
Institucional Basic Idiomas
Banner Marcelo

Padrão
PMG

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here