O governador Renato Casagrande (PSB), afirma para a mídia da capital que a campanha para a reeleição é só no ano que vem. Que ele não vai discutir ou falar sobre isso antes do tempo.

Mas para quem vê as ações de Casagrande no interior, lugar onde ele sempre se moveu bem, desde os tempos de deputado e senador, sabe que na prática a campanha já começou há muito tempo e o governador está andando a “passos largos”.

2013-08-30 14.44.03
Em Itapemirim Casagrande participa de seminário. Foto Wilcler Lopes

A reportagem do Portal27 acompanhou o governador em duas cidades do sul do Espirito Santo. Estivemos em Itapemirim e Iconha no último dia 30 e podemos perceber que enquanto os seus adversários ficam jogando nomes para os jornais (Magno Malta, Ricardo Ferraço, Hartung e Balestrassi) tentando “se cacifar”, como se diz na gíria politica, Casagrande inaugura obras, entrega equipamentos e faz suas articulações pelo interior do Estado.

Depois de um período turbulento, com os dois primeiros anos lentos, sem grandes obras e enfrentando algumas crises com a assembleia e uma “grande” crise  (pedágio), esta última sem duvidas, trouxe alguns problemas a sua imagem e a do seu governo, Casagrande mostrou na sexta feira que não está brincando e já está correndo “atrás de prejuízo”.

Seminário. Primeiro estivemos em Itapemirim, onde o governador chegou de helicóptero para participar da abertura de um seminário sobre redução de ICMS e incentivos ao etanol capixaba.  Lá Casagrande chegou muito simpático, cumprimentou a todos, distribuiu sorrisos e abraços aos presentes, conversou ao pé do ouvido com diversos políticos e aguardou a hora do seu discurso, no qual entre outras coisas exaltou a economia capixaba. “A redução do ICMS sobre o etanol vai revitalizar as usinas, aumentar a área de plantio de cana-de-açúcar e vai gerar milhares de empregos no Espírito Santo. Essa reivindicação é muito justa e vai ser atendida”, afirmou.

2013-08-30 16.40.45
Casagrande Conversa com moradores de Iconha. Foto Wilcler Lopes

Motorista. Depois de Itapemirim, Casagrande partiu para Iconha – dirigindo ele mesmo o carro oficial – onde inaugurou calçamento, andou de casa em casa, cumprimentando moradores e entregou diversos equipamentos agrícolas para a prefeitura local.

Sempre acompanhado de uma comitiva de deputados estaduais, federais, ex-prefeitos, prefeitos, vereadores, além do staff do governo Casagrande chegou ao parque de exposições de Iconha.

2013-08-30 16.40.59
Governador fez questão de cumprimentar os moradores. Foto Wilcler Lopes

Antes do seu discurso, Casagrande ficou sentado ouvindo deputados, prefeitos e secretários tecerem os mais diversos elogios a sua gestão, as suas obras e ao seu governo. Até a polêmica deputada Janete de Sá (PMN), que ia votar contra o governo na questão do pedágio e depois voltou atrás, rasgou elogios ao governador.

Outro que fez um grande discurso elogiando o governador foi o deputado Glauber Coelho (PR), que está saindo do partido de Magno Malta e aportando no PSB do governador. Ele afirmou que está “junto” com o governador para o que der e vier.

2013-08-30 16.45.27
Casagrande, deputados e autoridades de Iconha, durante solenidade de pavimentação de ruas em Iconha. Foto Wilcler Lopes

O discurso mais emocionante e animado foi do prefeito de Iconha João Paganini. Um dos homens mais ricos do estado e de origem humilde, sem saber articular muito as palavras, o prefeito agradeceu a Casagrande e disse que queria mais máquinas para fazer mais obras pra o povo de Iconha.

João ainda deixou um recado para os que criticam o seu jeito de falar.  “Falar eu não sei. Mas trabalhar eu sei”, disse para aplausos dos presentes.

Casagrande finalizou o evento discursando e dizendo que quer finalizar o seu mandato como o governador que realizou “Os maiores investimentos do ES”. Que esta á a marca que ele quer deixar, de ser o governo que mais realizou investimentos “Na história do ES.

2013-08-30 17.58.31
Governador até subiu na patrol para ligar. Foto Wilcler Lopes.

Casagrande falou dos desafio explicou diversos investimentos que o governo vai fazer nos próximos anos em todo o Estado, dando a tônica de que a campanha, embora ele diga que não, já começou a muito tempo.

Os adversários devem saber que quando começarem a caminhada para as eleições de 2014, talvez possam perceber que Casagrande já está próximo da linha de chegada.

 

 

Deixe seu comentário