Uma menina de 2 anos foi atingida por pedaços de concreto, que se soltaram da varanda de um prédio na Praia do Morro em Guarapari. A menina continua internada em estado grave. O acidente aconteceu no último sábado (19), na Rua dos Veranistas, por volta das 20h quando a família seguia em direção à praia. De acordo com moradores, os turistas são de Piraporá em Minas Gerais e estavam pela primeira vez em Guarapari para conhecer o mar.

As câmeras de segurança de um estabelecimento comercial, registraram o momento do acidente. Na hora o pai estava com a criança no colo e deu um pulo quando sua filha foi atingida.

A aposentada Maria Lúcia Rocha, 65 anos, contou que estava sentada do outro lado da rua e viu quando o acidente aconteceu.

“Eu estava sentada com minha bisneta e ouvi um barulho. Olhei em direção ao prédio e ouvi os gritos do pai: ‘matou minha filha, matou a minha filha”” contou a aposentada que foi ver de perto e se deparou com a menina desmaiada, com ferimentos e sangramento no rosto.

Uma ambulância do Samu foi ao local e socorreu a criança que foi encaminhada para o Hospital Francisco de Assis em Guarapari e transferida para um Hospital de Vitória onde segue internada.

Acesso ao prédio está interditado

A Defesa Civil de Guarapari esteve no local e interditou a fachada do prédio e o acesso principal ao Edifício Cláudia onde aconteceu o acidente está interditado. De acordo com o gerente da Defesa Civil, Oldair Rossi, foi solicitado um laudo de um engenheiro para verificar as condições do local.

“Os moradores estão entrando no prédio pelo acesso lateral por segurança até que o laudo técnico do engenheiro chegue para avaliarmos a situação e outra tragédia como essa não aconteça”, disse. O laudo tem 5 dias úteis para ficar pronto.

O síndico do prédio foi procurado pela nossa reportagem, mas não foi localizado. Porém vizinhos contaram que o edifício está dando assistência a família vítima do ocorrido.

Deixe seu comentário