No evento de comemoração ao Dia do Soldado Capixaba, realizado na última segunda-feira (26), no Quartel do Comando Geral (QCG) da corporação, o governador, Renato Casagrande, assinou a Lei Complementar 039/2013, que aumenta o efetivo do Corpo de Bombeiros de 1.300 para 1.800 militares. A aprovação dessa Lei permitirá melhor a estrutura para a corporação e ainda proporcionará mais segurança jurídica aos novos concursos realizados pela instituição.

“A assinatura dessa lei permite ampliar o efetivo da corporação nos próximos anos. Mais 500 bombeiros irão recompor e reorganizar os quadros da corporação em todo o Espírito Santo. Nosso trabalho tem sido fortalecer a atuação da tropa aqui na Grande Vitória, mas também fortalecer a atuação dos bombeiros nas microrregiões do Estado com o objetivo de reduzir o tempo de atendimento do Ciodes. Este é um trabalho que está integrado ao Programa Estado Presente, que trabalha com reposição de efetivo, assim como o que estamos fazendo na Polícia Militar, com a formação de 1.100 militares, e a abertura de concurso para 2.100 soldados. Também estamos formando novos policiais civis para melhorar as ações de segurança em nosso Estado. Esse é um dos pilares para que possamos combater a violência. Além dos investimentos em recursos operacionais e novas unidades policiais, investimos em capital humano”, disse o governador.

dia-do-bombeiro-003

O comandante geral do CBMES, coronel Edmilton Aguiar, ressaltou que os investimentos aplicados na instituição têm contribuído para melhor oferta dos serviços prestados à sociedade. “Com recursos próprios estamos dobrando os investimentos em capacitações, triplicando os investimentos na área operacional com aquisição de equipamentos e viaturas, iniciando todas as nossas construções com recurso do Tesouro. Essas foram uma das ações do atual Governo. Somente em obras, cerca de R$ 17 milhões estão sendo aplicados na construção de novas unidades e investiremos mais R$ 6 milhões até final de 2014”, enfatizou.

O coronel também ressaltou a aprovação da Lei Complementar 694, de 10 de maio de 2013, que reorganizou o sistema estadual de proteção e defesa civil. “Com essa medida passamos a regionalizar as ações de defesa civil no Estado com a criação do Fundo Estadual de Proteção e Defesa Civil, unidade de gestão própria, trazendo investimento para este setor como nunca tivemos. Além disso, hoje foi sancionada a nova lei de efetivo e apresentamos também os novos alunos bombeiros. Aos poucos, vamos construindo o Corpo de Bombeiros que sonhamos ser e isso é motivo para muita comemoração”, finalizou o comandante.

A solenidade contou também com a apresentação dos 91 novos alunos soldados que iniciaram o curso de formação no mês de julho, além da formatura do Curso de Especialização em Salvamento em Altura (Cesalt). Um desfile temático com várias simulações de ações operacionais do Corpo de Bombeiros chamou a atenção do público.  Premiações como “Machadinha Soldado do Fogo”, a entrega do prêmio “Amigo do Bombeiro”, medalhas “Valor Bombeiro Militar” e  “Mérito Nestor Gomes” foram entregues a diversas autoridades capixabas que contribuem para o desenvolvimento da corporação.

Plano de expansão

No último dia 9 de março, foi assinado um convênio com Venda Nova do Imigrante para instalação de uma unidade naquela região, o que já representa o desdobramento do planejamento estratégico do Governo do Estado, que prevê a instalação de duas novas unidades de bombeiros, contemplando não só Venda Nova do Imigrante como também Santa Maria de Jetibá.

Atualmente são onze unidades operacionais distribuídas pelo Estado. A partir de agora o Plano de expansão se desenvolve com uma meta de mais cinco novas unidades, que são Cariacica, Anchieta, Guaçuí, Venda Nova e Santa Maria de Jetibá. Após a construção das novas unidades, serão 16 os municípios que contarão com unidades operacionais, dentre eles: Vitória, Vila Velha, Serra, Guarapari, Cachoeiro de Itapemirim, Marechal Floriano, Linhares, Colatina, São Mateus, Aracruz e Nova Venécia.

Fonte: Sesp

Deixe seu comentário