Referência no serviço de Triagem Neonatal (SRTN), a Apae de São Paulo registrou nos primeiros quatro meses de 2015 a triagem de 136.833 recém-nascidos, o que representa um aumento de 3,69%, comparado a triagem dos 131.962 bebês nascidos no mesmo período de 2014.

A organização, credenciada pelo Ministério da Saúde e pioneira na implantação do exame no Brasil em 1976, tem o maior Laboratório da América Latina em número de bebês triados e, desde a sua implantação, examinou mais de 14,7 milhões de crianças brasileiras. Por meio do Sistema Único de Saúde, de hospitais e planos de saúde privados, a Apae de São Paulo é responsável por 62,5% das crianças nascidas no Estado de São Paulo e 76,8% das crianças nascidas na capital paulista.

teste do pezinhoA responsável pelo Laboratório do Serviço de Triagem Neonatal da Apae de São Paulo, Sônia Hadachi, ressalta que “em 2014, mais de 383 mil recém-nascidos foram triados, sendo 568 positivos no teste básico. As doenças de Hiperplasia Adrenal Congênita e Biotinidase registraram crescimento neste período”. Hadachi completa ainda que “o laboratório da Organização possui toda a estrutura, tecnologia de ponta e profissionais altamente qualificados”.

Por meio de um sistema de Busca Ativa, a Apae de São Paulo também oferece uma estrutura avançada que realiza a convocação imediata de todos os recém-nascidos que apresentarem alteração no Teste do Pezinho, e um Ambulatório de Atenção aos Pacientes com uma equipe multidisciplinar para orientação e tratamento dos casos, composta por especialistas das áreas de pediatria, endocrinologia pediátrica, hematologia, genética, nutrição, psicologia e assistência social.  Em 2014 foram realizadas 18.306 consultas.

O Teste do Pezinho

Atualmente, toda criança nascida em território brasileiro tem direito ao Teste do Pezinho Básico, totalmente gratuito, realizado pela Apae de São Paulo e outros laboratórios oficiais, credenciados pelo Ministério da Saúde. As coletas de sangue são realizadas nas maternidades ou nos Postos de Saúde. Esse teste detecta seis doenças, sendo que três delas podem levar à Deficiência Intelectual, se não tratadas precocemente: Fenilcetonúria, Hipotireoidismo Congênito e Deficiência de Biotinidase.

O exame faz a coleta de gotinhas de sangue do calcanhar do bebê, de forma rápida e segura, logo após as primeiras 48 horas de vida. Tendo a prevenção como a melhor forma de cuidar da saúde do bebê, a Apae de São Paulo oferece, além do Teste do Pezinho Básico, o MAIS e o SUPER e defende que o diagnóstico precoce é fundamental para conseguir um tratamento adequado e, dessa forma, prevenir a Deficiência Intelectual. Juntos, o MAIS e o SUPER identificam até 48 doenças. Há ainda o teste personalizado, que é realizado conforme a solicitação do médico e necessidade do paciente.

teste do pezinho– Teste do Pezinho Básico: é obrigatório e gratuito em todo o País. Identifica as seguintes doenças: Fenilcetonúria, Hipotireoidismo Congênito, Fibrose Cística, Anemia Falciforme e demais Hemoglobinopatias, Deficiência de Biotinidase e Hiperplasia Adrenal Congênita.

– Teste do Pezinho MAIS: além do que se detecta no teste Básico, inclui mais quatro diagnósticos: Deficiência de G-6-PD, Galactosemia, Leucinose e Toxoplasmose Congênita.

– Teste do Pezinho SUPER: é o único a diagnosticar 48 doenças e um dos mais completos Testes de Triagem Neonatal existentes no mundo. Ele inclui em seu painel, além das 10 doenças identificadas nos Testes do Pezinho Básico e MAIS, outros 38 diagnósticos realizados por meio da avançada tecnologia de Espectrometria de Massas em Tandem – MS/MS.

Teste do Pezinho em números

(Fonte: Relatório de Atividades Apae de São Paulo 2014)

Bebês triados em 2014 pela organização 383.786
Exames realizados em 2014 pela organização 2.573.722
Casos positivos por doenças em 2014 identificados pela organização 568
% dos bebês triados que realizaram a coleta (de amostras) até o 7º dia de vida (RN-recém-nascidos) e com a liberação de resultados em média em 5 dias 94%
% dos clientes estão satisfeitos com a prestação de serviço
(referência Pesquisa de Satisfação Qualidade Norma ISO 9001)
98%

 

Deixe seu comentário