Edson foi condenado. Foto: Divulgação.
Edson seria indicado secretário de Orly. Foto: Divulgação.

A possibilidade do ex-prefeito Edson Magalhães  assumir a Secretaria Municipal de Projetos, como foi divulgado pelo Portal 27 na semana passada, está deixando o Ministério Público do Estado incomodado.

De acordo com o jornal A Tribuna de ontem, os promotores não acham correto Edson assumir uma pasta, já que tem várias ações de improbidade,  além de condenações por órgãos colegiados. Segundo eles, isso seria um agravante para essa nomeação acontecer.

Caso seja indicado, Edson terá muitos problemas, pois pode ser enquadrado na Lei de Ficha Limpa Municipal, aprovada na Câmara no começo do mês, que impede os funcionários efetivos ou comissionados, do legislativo ou executivo, assumam funções nestes poderes.

Edson ficou preso mais de 50 dias na operação derrama, junto com outros ex-prefeitos acusados de fazer parte de um esquema com uma empresa de arrecadação de tributos. Como se sabe, o ex-prefeito tem essa pasta (projetos) esperando por ele, já que a secretaria de projetos só tem até o momento o secretário adjunto, Cláudio Roberto Passos Coelho.

De acordo com as informações  apuradas até o momento, o prefeito ainda não  definiu o que vai fazer com essa secretaria que é uma das mais importantes, pois é a que faz a captação de recursos para a cidade.

Deixe seu comentário