A ação aconteceu nos bairros Zumbi e Paraíso, em Cachoeiro, após várias denúncias anônimas.
A ação aconteceu nos bairros Zumbi e Paraíso, em Cachoeiro, após várias denúncias anônimas.

Policiais civis da 7ª Delegacia Regional de Cachoeiro de Itapemirim prenderam na manhã dessa terça-feira (15) oito pessoas durante a operação “Eclesiastes II”. A ação aconteceu nos bairros Auto Eucalipto e Zumbi e resultou na apreensão de armas de fogo, drogas e munições.

De acordo com o titular da Delegacia, delegado Faustino Antunes Simões Filho, foram cumpridos 20 mandados de busca e apreensão e seis pessoas foram presas em flagrante. Entre os de

tidos estavam suspeitos de tráfico de drogas, porte ilegal de arma de fogo e posse ilegal de pássaros silvestres. “Após muito trabalho com as investigações conseguimos realizar a operação com êxito”, destacou Faustino.

Oito pessoas foram detidas. Armas, drogas e munições foram apreendidas.
Oito pessoas foram detidas. Armas, drogas e munições foram apreendidas.

Ainda, segundo informações do delegado, a operação teve o intuito de combater crimes patrimoniais, tráfico de drogas e diminuir a circulação de arma de fogo no município. Seis revólveres, diversos tipos de munições, um rádio comunicador, uma máscara, três pássaros silvestres sem registro, um papelote de cocaína, 250 gramas de crack, duas balanças de precisão, material para embalar droga, um tablete de maconha e um triturador da mesma droga foram apreendidos na operação.

“A operação foi realizada por cerca de 73 policiais civis e militares da região e dois pontos de tráfico foram destituídos”, informou o delegado.

O suspeito detido em posse dos animais silvestres assinou um Termo Circunstanciado (TC) e responderá ao processo em liberdade, enquanto os outros foram encaminhados ao Centro de Detenção Provisória (CDP) de Marataízes.

Deixe seu comentário