Em fiscalização de rotina no Mercado Municipal de peixe em Anchieta, nesta terça-feira (29), a Polícia Militar Ambiental (BPMA) apreendeu mais de duas toneladas de peixes provenientes de pesca com petrechos proibidos. Seis pescadores foram conduzidos à delegacia e responderão por crime contra os recursos pesqueiros.

apreensão peixes anchieta A ação teve como objetivo impedir o comércio de pescados proveniente da pesca predatória. No local, os policiais constataram que um barco realizava o desembarque das espécies dourado, albacora, sarda branca e voador, e colocava a bordo de um caminhão. O mestre da embarcação apresentou o Certificado de Registro e Autorização de Embarcação Pesqueira, emitida pelo Ministério da Pesca e Aquicultura, documento obrigatório que permite que a embarcação pratique a pesca. Entretanto, os militares observaram que a modalidade permitida (linha de mão) era diferente do método utilizado para pescar tais espécimes, que somente poderiam ser apanhadas com o uso de espinhel de superfície.

apreensão peixes anchieta Foi observado também que no interior da embarcação existiam redes de malha com panagem de multifilamento, o que é proibido pela Instrução Normativa Interministerial nº 12 de 2012, o que também não é permitido como petrecho autorizado para embarcação pesqueira.

Ao todo foram apreendidos 2.099 quilos de pescados, sendo 1.951 quilos de dourado, 79 quilos de albacora, 54 quilos de voador e 15 quilos de sarda branca. Além disso, também foram recolhidos 550 espinhéis de superfície e 21 redes de malha com panagem de multifilamento.

apreensão peixes anchieta Por se tratar de crime ambiental pescar mediante uso de equipamentos proibidos, os cidadãos que se encontravam na embarcação e o proprietário do caminhão foram conduzidos a delegacia de Anchieta, onde foram autuados em flagrante por crime contra os recursos pesqueiros. A pena prevista é a de detenção de um a três anos e multa.

O pescado foi doado quatro instituições filantrópicas: Recanto dos Idosos Santo Antônio/Guarapari, Movimento de Educação Promocional do Espirito Santo/Anchieta, Associação Salvamar de Assistência à Criança e ao Adolescente/Guarapari e Instituto Neemias de Recuperação Cristã para Dependentes Químicos/Cariacica.