Três pessoas que fazem parte de uma quadrilha que roubava carros no Rio de Janeiro, para revender na região sul do Espírito Santo, foram presas em Piúma, durante uma operação das polícias Militar e Civil, na última quarta-feira (8). De acordo com o titular da delegacia da cidade, Geraldo Peçanha, um dos detidos já era procurado pela polícia local, por cometer crimes na região.

Após uma semana de intensa investigação, as delegacias de Piúma e Itapemirim, conseguiram deter o capixaba Jefferson Amaral Marinho, 25, Vinicius Soares Ferreira, 22 e Julio Cesar Fialho Alves, 35 anos. Segundo o delegado Geraldo, bandidos do Estado tem se unido até com a milícia do Rio para vender carros roubados.

GERALDO PEÇANHA (2) (Copy)Foto: Vinicius Rangel.
Segundo o delegado Geraldo, bandidos do Estado tem se unido até com a milícia do Rio para vender carros roubados.Foto: Vinicius Rangel.

Os militares do Grupo de Apoio Operacional (GAO) da 10 cia independente de Anchieta, receberam informações de que Jefferson – que teria participação em um homicídio em Piúma – estaria vindo do RJ acompanhado de outros homens, trazendo um carregamento de drogas, armas e carros roubados. Foi montado então, um cerco policial no provável percurso que Jefferson faria.

CARROS (2)
Peugeot 208 Griffe, marron, também clonado, com um homem de 28 anos também foi apreendido.Foto: Vinicius Rangel.

De acordo com o boletim de ocorrência, no bairro Monte Agha, foi localizado um veículo Honda Fit branco, com placa KYW-4958 – identificado como clonado -. Quando os ocupantes ao perceberem que estavam sendo seguidos, pararam próximo ao quiosque 43 na Avenida Beira Mar e Jefferson saiu do carro e se escondeu em um cômodo que fica dentro de um depósito na via.

Jefferson foi preso e o Honda foi abordado. Dentro dele estavam Vinicius e Julio Cesar, com uma chave de um Mitsubishi e com dois pares de placas com restrição de furto e roubo. Com apoio dos militares de Itapemirim foi localizado ainda um carro Pajero TR4 prata, em um posto de combustível em Marataizes. No mesmo local também estava estacionado um Peugeot 208 Griffe, marron, também clonado, com um homem de 28 anos.

Os policiais conseguiram chegar até o comprador de um dos veículos, que inclusive, segundo a ocorrência, a negociação já havia sido concluída e que o veículo foi deixado em Marataízes, pelo motivo de que o cliente ficasse com ele lá mesmo onde reside. O homem de 28 anos foi solto após pagar fiança. Jefferson, Julio e Vinícius foram autuados por receptação qualificada, adulteração de veículo automotor, associação criminosa e levados ao Centro de Detenção Provisória (CDP) de Marataízes.

Bandido faz parte de quadrilha comandada por ex-PM
Um dos detidos em uma operação conjunto das polícias Militar e Civil capixaba, na região Sul do Espírito Santo, Julio Cesar Fialho Alves, de 35 anos, preso na última quarta-feira, estava com um mandado de prisão em aberto, segundo o titular da delegacia de Piúma, Geraldo Peçanha. Ele aparece na lista dos integrantes de uma das maiores milícia do RJ, comandado por um ex-pm.

O ex-policial militar Fabrício Fernandes Mirra, hoje preso condenado a três anos de prisão por lesão corporal seguida de morte, é um dos mais famosos milicianos do Rio e está preso em Campo Grande (MS). Ele liderava a milícia Águia de Mirra, que, conforme o Ministério Público do Rio, torturava e mutilava pessoas.

BandidosPiúma
Vinicius Soares Ferreira, 22, Jefferson Amaral Marinho, 25 e Julio Cesar Fialho Alves, 35 anos foram presos. Foto: Vinicius Rangel.

As investigações sobre a parceria entre integrantes de quadrilha capixabas com a milícia cariocas continuam, pois segundo o titular da delegacia de Piúma, Geraldo Peçanha, a polícia acredita que possam existir outros integrantes do sul do Estado e também do Rio de Janeiro no esquema, além de outros carros clonados pelas cidades do litoral. “Vamos continuar investigando a possível participação de outros capixabas no esquema”, disse Peçanha.

CARROS (3)
Os carros apreendidos eram todas encomendas que seriam entregues na região sul do Estado.Foto: Vinicius Rangel.

Comprar armas. Em depoimento aos policiais militares, os detidos Jefferson Amaral Marinho, 25, Vinicius Soares Ferreira, 22 e Julio César Fialho Alves, de 35 anos, revelaram que venderam a Pajero blindada, por R$ 40 mil. Ao titular da delegacia de Piúma, Geraldo Peçanha, os criminosos disseram que o dinheiro seria usado para comprar armas para abastecer a milícia.

ENCOMENDAS . As investigações da Polícia Civil aponta que o capixaba Jefferson fugiu de Piúma, no sul do Espírito Santo e foi buscar abrigo na milícia carioca, de Jacarepaguá. Lá ele integrou-se na quadrilha e conseguia repassar informações do ES através de outras pessoas do Rio.

Jefferson recebia as encomendas dos modelos e estilos de veículos para trazer para a região sul do Estado. Os carros apreendidos, um Hond Fit, Pajero e também o Peugeot 208 Griffe, eram todas encomendas que seriam entregues na região sul do Estado. Há segundo, Peçanha, a suspeita ainda de quem a quadrilha viria para cometer homicídios nos municípios vizinhos.

Deixe seu comentário