Hérick Junger de Oliveira, de 22 anos, foi assassinado há cerca de 200 metros de casa na manhã desta terça-feira.

Na manhã desta terça-feira, dia 24 de janeiro, Hérick Junger de Oliveira, de 22 anos, foi assassinado com oito tiros na cabeça na rua Manoel Alvarenga, próxima a escola Francisco Araújo no bairro Perocão.

Os familiares do jovem contaram para polícia que Hérick havia acabado de sair de casa e que o assassino estaria próximo do local aguardando a saída da vítima e ali mesmo começaram os disparos. Hérick tentou fugir, mas foi perseguido pelo atirador e caiu há aproximadamente 200 metros de sua casa. Segundo a polícia, o jovem tinha passagem por tráfico de drogas e também por brigas na rua.

O assassinato de Hérick é o segundo dessa semana porque no último domingo, dia 22 de janeiro,  Lucas Silva Lima Santos, de 19 anos, foi perseguido e morto com 5 tiros no bairro Praia do Sol. De acordo com a polícia,  testemunhas afirmaram que o crime foi cometido por quatro pessoas e elas se esconderam em uma área de mata da região. Mas o veículo usado pelos assassinos foi apreendido.

Segundo a polícia o jovem tinha passagem por tráfico de drogas, mas a motivação do crime ainda está sendo investigada.

Ainda de acordo com a polícia, a vítima era de Jaburuna, em Vila Velha, e morava no bairro Praia do Sol há menos de um mês. A motivação do crime seria o envolvimento de Lucas com o tráfico de drogas em Vila Velha e os assassinos também seriam de Jaburuna. A placa do carro usado por eles e abandonado é registrada em Vila Velha.

Deixe seu comentário

Comments are closed.