A Sessão da Câmara de Vereadores de Guarapari foi esvaziada nesta tarde após duras críticas do vereador Marcos Grijó na Tribuna relacionadas ao retorno do vereador Marcial de Souza Almeida, o Dito Xaréu, que conseguiu uma liminar da Justiça após ser cassado por 12 votos, pela investigação dos áudios onde supostamente Dito teria pedido propina a empresários para liberar a lei de eventos.

Marcos Grijó é relator da Comissão Processante de Investigação da qual a presidente é a vereadora Fernanda Mazzelli e o membro Wendell Lima. Segundo Grijó, a decisão da Justiça expôs todo o trabalho da CPI e da Casa de Leis.

“Esta casa por sua ampla maioria, doze parlamentares, resolveram entender pela cassação do vereador. Agora a Casa foi agredida, foi exposta ao vexatório, foi colocada ao ridículo pela sociedade, por que toda sociedade clama pelo comprometimento dos seus parlamentares. Esta Casa é agredida pelo Judiciário, por que a Constituição Federal ela é clara: as instituições, Poder Legislativo, Poder Judiciário e Executivo, os poderes são independentes”, disse em seu discurso.

Ao final do seu discurso, o vereador Grijó foi aplaudido pelo público. E pela ordem o vereador Dito Xaréu foi anunciado pelo presidente da Câmara, Enis Gordim para usar a tribuna para falar. No entanto, os vereadores deixaram o plenário esvaziando a sessão. E o presidente declarou encerrada. Confira o vídeo da transmissão da TV Guarapari.