Olá amigos e amigas!
E, possíveis leitores, rsrsr.
Estarei destacando nesta coluna, alguns pensamentos meus sobre o que considero CORRUPÇÃO, E O SEU COMBATE. Digamos que serão alguns capítulos versando sobre o assunto em destaque.

E assim começo esse discurso: Ah! Ia esquecendo, CORRUPÇÃO E O SEU COMBATE NAS PREFEITURAS DO MEU BRASIL VARONIL.
Agora, vamos:
– Dedico esse texto  ao meu querido povo morador de Guarapari. Maratimba ou não, não importa, mas que é sabedor de que enfrenta a corrupção, de há muito tempo, instalada na administração municipal.

Apenas peço aos meus possíveis leitores que compartilhem essas reportagens, que aqui se inicia, e que tem o enfoque de ser um norte para os caminhos a serem seguidos no combate à corrupção.

9_1

E o que precisa ser feito?

Antes de qualquer coisa; criarmos lideranças que possam, efetivamente, organizar um movimento de monitoramento sistemático das operações e atos que se mostrem suspeitos por parte das autoridades constituídas, e, promover a contestação desses mesmos atos e sua operacionalização de forma sistemática.

É imprescindível que se tenha o apoio da comunidade e que a mesma se mostre disposta a realmente “virar a mesa”, denunciando quaisquer indícios de suspeição. Não sejamos arrogantes e muito menos ingênuos, pois, de uma vez por todas, tem que ficar absolutamente claro que é o povo que decide o rumo da sua cidade.

Os anos vividos nessa labuta e muita análise sobre os mecanismos existentes e utilizados para o descaminho e desvirtuamento dos processos administrativos resultaram nessa forma crítica de olhar o tema em questão.

UM DETALHE: – O QUE SERÁ APRESENTADO NÃO PODE SER COPIADO, APROVEITADO PEDAÇOS DE TEXTO, E/OU ADAPTADO EM TODO OU PARTE. ESTE AVISO É DIRIGIDO AOS APROVEITADORES DE OCASIÃO E AOS PRÉ-CANDIDATOS A CARGOS ELETIVOS QUE NÃO POSSUEM NENHUMA PLATAFORMA DE TRABALHO E MOSTRAM-SE SIMPLESMENTE OPORTUNISTAS DE PLANTÃO E CUJA INTENÇÃO É SE LOCUPLETAREM UNICAMENTE DE CARGOS NEGOCIADOS, NAS COLIGAÇÕES OU “DESCARREGO DE VOTOS”, EM BENEFÍCIO DE OUTREM.

Ao longo dessa semana, e a que se segue, estaremos apresentando textualmente nosso pensamento crítico-analítico do processo em pauta.
Até breve!
Abraços do SANTORO.

Deixe seu comentário