Quatro pessoas foram presas na tarde desta quarta-feira depois de um assalto no Centro de Guarapari. Três dos detidos foram pegos em um barco, que seria usado para dar fuga para o assaltante.

O ladrão, identificado como Renan da Silva Ferreira, 20 anos, abordou o dono de uma pastelaria que fica na feira municipal e  ordenou que entregasse o dinheiro. A mãe do abordado viu a ação e entregou o dinheiro do dia para o assaltante. Um dos funcionários da pastelaria viu a ação.

“Quando eu vi que era assalto tirei minha camisa de uniforme e acompanhei de longe para ver por onde o ladrão ia fugir e fiz contato com o 190, passando as informações. Ele foi para o final do cais, onde ficam alguns barcos e se escondeu lá”, contou.

Renan foi preso depois de assaltar uma pastelaria na feira do Centro de Guarapari.

Duas equipes da Força Tática que estavam nas proximidades souberam do assalto e foram ao local apontado como esconderijo do assaltante. “Ao ver a aproximação das viaturas, o suspeito tentou fugir pela água, passando por umas pedras, mas acabou se cortando nas ostras e conseguimos pegar ele logo depois”, contou o tenente Rafael, da Força Tática.

Todo o dinheiro roubado foi recuperado e um revólver calibre 22 com sete munições usada no crime foi apreendido.

Com o suspeito os militares encontraram o dinheiro roubado e a arma usada no crime. Ao ser questionado sobre como fugiria, Renan contou que um barco iria pegar ele no cais e eles fugiriam para Olaria, onde mora a maioria dos detidos. Como o barco com os comparsas ainda estava próximo, os policiais pediram a ajuda de um homem que estava com um lancha no canal e foram atrás dos suspeitos, conseguindo prendê-los logo depois.

Os quatro foram levados para a delegacia de Guarapari e entregues ao plantão da Polícia Civil.

Deixe seu comentário

Comments are closed.