O futuro da vereadora Rosângela Loyola (PDT) começa a ser definido hoje (28) pelos seus colegas da Câmara Municipal de Guarapari. Depois de aparecer em um áudio acusando os vereadores de terem recebido dinheiro para votar na nova mesa diretora (veja aqui), Rosângela vai ter que se explicar para os colegas.

Ontem mesmo (27) uma denuncia contra ela foi protocolada na Câmara, por um homem identificado como Claubert De Oliveira Cavalcanti, que alegou diversos pontos da Lei Orgânica e do Regimento Interno da Câmara, para que seja aberta investigação para apurar as declarações da vereadora.

O futuro da vereadora Rosângela Loyola (PDT) começa a ser definido hoje (28) pelos seus colegas da Câmara

CPI. A denúncia foi colocada na pauta de hoje e vai ser apreciada pelos vereadores. No plenário os parlamentares devem decidir se as declarações de Rosângela ferem a legislação e se devem ser analisadas por uma Comissão Parlamentar de Investigação (CPI).

Se a CPI for colocada em votação e aprovada, a vereadora Rosângela Loyola (PDT) pode ser afastada por até 180 dias, para que a Comissão possa fazer as suas análises sobre todos os fatos. Ouça novamente o áudio da vereadora.

Deixe seu comentário

Comments are closed.