Os guarda-vidas que atuam na Praia do Morro, em Guarapari, estão preocupados com o alto número de salvamentos que tiveram que realizar nesta sexta-feira santa. Até às 16 horas de hoje, foram realizados 45 resgates de banhistas. Além de mais de 300 ações preventivas.

Edson Mendes (D) alerta para os perigos do mar.Foto: João Thomazelli/Portal 27
Edson Mendes (D) alerta para os perigos do mar.Foto: João Thomazelli/Portal 27

Um jovem chegou a se afogar, mas foi retirado do mar e reanimado pelos guarda-vidas e levado para o hospital. As condições do mar, que está revolto e com ondas fortes, propicia os casos de afogamento.

Ao longo da praia foram colocadas 40 bandeiras indicando os locais mais perigosos para os banhistas. “É preciso respeitar a sinalização. Quando o banhista ver a bandeira vermelha,não entre na água. Ali tem valas e correnteza mais forte, que podem surpreender a pessoa e levar ao afogamento”, explica Edson Mendes, gerente de salvamento marítimo de Guarapari.

Deixe seu comentário