A polícia encontrou no começo da tarde de hoje, uma ossada de criança em um brejo próximo a uma lagoa de Viana, na localidade de Areinha. As buscas foram realizadas na manhã desta sexta-feira (10) por policiais do Grupo de Operações Táticas (GOT) da Polícia Civil e de militares do Corpo de Bombeiros.

“Por volta das 9h50 tivemos êxito em achar uma ossada de uma menina”, disse o delegado.

De acordo com o delegado-chefe da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), José Lopes, a polícia recebeu a informação de que Ademir Lúcio Araújo Ferreira, de 52 anos, acusado de sequestrar a menina Thayná, usava essa área para cometer os crimes contra as vítimas dele. “Fizemos um pente-fino na região com buscas na lagoa e no entorno e não localizamos nada. Por volta das 9h50 tivemos êxito em achar uma ossada de uma menina”, ressaltou o delegado a imprensa.

Terá que ser feito um exame de DNA para comparar se a ossada é da menina Thayná, que está desaparecida há 24 dias. “A gente já tem o material biológico dela para fazer essa comparação”, finalizou. O resultado do teste de DNA tem uma previsão inicial de ficar pronto em 30 dias, mas José Lopes prometeu empenho da equipe para fazer com que esse prazo seja diminuído.

Deixe seu comentário

Comments are closed.