Durou pouco o sonho do vereador Germano Borges (PSB) de multar quem desperdiçasse água em Guarapari. O projeto de lei 261/2014 de autoria do vereador, que já havia sido vetado pelo prefeito Orly Gomes (DEM), teve outra derrota na tarde de ontem (9).

agua
Lei iria multar quem fosse flagrado utilizando água tratada para lavar calçadas, fachadas de prédios e carros.
do
Vereador Germano é o autor do projeto de lei. Foto: Portal 27.

Durante sessão ordinária, os vereadores mantiveram o veto do prefeito à lei,  por 11 votos a 6. Para derrubar o veto seriam necessários 12 votos.

Lei. A lei previa aplicação de até R$ 150,00 de multa para quem fosse flagrado utilizando água tratada para lavar calçadas, fachadas de prédios e carros. Em entrevista à imprensa o vereador havia dito que a lei era de caráter educativo. “Como o desperdício em nosso município é muito grande e nossa captação não é tão forte, precisamos economizar”, disse.

Veja também:  Vereadores adiam o aumento de verbas em Guarapari