Os 14 taxistas que foram habilitados no último edital da prefeitura para concessão dos serviços de transporte de passageiros em Guarapari estiveram na sede da Secretaria de Fiscalização para submeter os veículos à vistoria.

Dentro dos itens inspecionados estão as faixas laterais de identificação e o taxímetro, que já começou a ser instalado. A previsão é de que até o começo de agosto, os taxímetros já comecem a ser usados para as cobranças das corridas de táxi.

táxis guarapari
Os taxistas foram até a sede da Secretaria de Fiscalização para passarem por inspeção. foto: João Thomazelli/Portal 27

“Finalizando as vistorias, os processos serão encaminhados para a administração. Acredito que até o começo de agosto os táxis já poderão começar a cobrar através do taxímetro”, explicou Edinho Maioli, secretário adjunto de Trânsito e Transporte da cidade.

Os taxistas que estiveram na secretaria no começo da tarde de hoje estão otimistas com o começo do funcionamento dos taxímetros. “Sem dúvida é um avanço para a categoria. Acredito que com o tempo a população vai se acostumar com a ideia do taxímetro e vai passar a usar mais o taxi em Guarapari”, comenta Naldo Santana, que é taxista há 10 anos em Guarapari.

“Há muito tempo a população tem nos cobrado sobre a instalação do taxímetro e agora isso vai ser resolvido. Esperamos que com o taxímetro mais pessoas passem a usar o táxi como alternativa de transporte na cidade”, disse Robson Rangel dos Santos, que é taxista há 20 anos em Guarapari.

O taxista robson Rangel mostra o funcionamento do taxímetro em seu veículo. Foto: João Thomazelli/Portal 27
O taxista robson Rangel mostra o funcionamento do taxímetro em seu veículo. Foto: João Thomazelli/Portal 27

A nova licitação está prevista para ocorrer ainda este ano e o processo já está em fase final de elaboração. Desta vez serão 91 placas de táxis disponíveis. De acordo com a prefeitura, este número pode ser aumentado para 104.

Tarifas

Como foi publicado na semana passada pelo Portal 27(veja aqui), o Conselho Municipal de Transporte já definiu os valores que serão cobrados pelos taxímetros na cidade.

Ficou definido que a bandeirada será de R$ 4,33. Ou seja, assim que começar a corrida, este valor será acrescentado ao valor total da quilometragem feita.

Para cada quilômetro na bandeira I será cobrado o valor de R$ 3,25, de segunda a sábado, das 6 horas às 22 horas. Para a bandeira II, que é cobrada entre 22 horas e 6 horas, o valor do quilômetro será de R$ 3,91. Aos domingos e feriados, o serviço opera na bandeira II. Na hora parada o valor será de R$ 19,60.

 

Deixe seu comentário