O vereador Jorge Ramos conversou com a impressa após prestar depoimento no Departamento de Polícia Judiciária (DPJ) da Praia do Morro. Ele afirmou estar tranquilo e pediu que antes de falar ou publicar algo os meios de comunicação e a sociedade aguardem o encerramento do inquérito. Jorge garante estar com a alma lavada quando o assunto é a alegação do jornal A Gazeta de que ele seria preso.

Na saída do parlamentar da delegacia, a vereadora Fernanda Mazzelli chegou ao local, trocou algumas palavras com o advogado do vereador e com o próprio Jorge e deixou o local sem falar com a imprensa. No vídeo é possível ver o momento em que ela chega ao DPJ. Tentamos contato com a vereadora, mas não conseguimos falar com ela.

Veja a entrevista com o vereador Jorge Ramos

 

Deixe seu comentário