Na última sexta-feira (5) uma pequena reunião foi realizada na 5ª Delegacia Regional de Guarapari para a despedida do delegado Marcos Nery. Nery foi transferido para Anchieta, onde chefiará, a partir desta segunda-feira a 10 Delegacia Regional (Anchieta, Piúma e Alfredo Chaves).

Titular da Delegacia de Crimes Contra o Patrimônio (Depatri) de Guarapari desde 05 de dezembro de 2016, Marcos Nery se destacou pela incansável trabalho de investigação e pelo alto número de prisões. O número reduzido de agentes da delegacia não impediu que o grupo fosse responsável por grandes apreensões e importantes prisões neste período de pouco mais de um ano.

Fernando Otávio, presidente do Sindicig reconhece o trabalho do delegado no período em que esteve atuando na cidade. “Ele fez um excelente trabalho, com uma parceria muito forte com a comunidade. Este trabalho foi reconhecido e hoje ele está sendo promovido. O trabalho dele mostra a eficiência da Polícia civil em Guarapari, não só dele, mas de toda a equipe de apoio. Só esperamos que o delegado que o venha a substituir esteja à altura dele. SAbemos que é uma promoção e esperamos que Guarapari também seja promovido com policiais com o porte e a qualidade de Marcos Nery, declarou.

O comando da Polícia Militar, através do major Palaoro e do major Bezerra, também foram se despedir do delegado. “Eu tenho que fazer dois agradecimentos: primeiro como policial militar do 10º batalhão, nós tivemos muito resultado com o delegado Marcos Nery. è um delegado envolvido, focado e sem vaidades. ele quer o resultado. Como cidadão, também agradeço ao Marcos Nery. Ele é um mineiro, que adotou a cidade e foi policial 24 horas. Ele é um policial que a sociedade realmente espera. Somos gratos por ele ter passado por aqui e ajudado tanto a cidade”, disse Palaoro.

Ao longo destes meses como titular da Depatri, algumas operações foram destaques, seja pelo incansável trabalho de investigação, seja pelos resultados obtidos. Logo que começou a trabalhar em Guarapari Marcos Nery, junto com sua equipe, desarticulou uma quadrilha que atuava em todo o Brasil roubando celulares em shows de expressão nacional. Centenas de celulares roubados foram recuperados pela Depatri no verão de 2017.

Em março de 2017 a Depatri recuperou uma carga de mais de 800 iphones roubados em Guarapari. A quadrilha era oriunda de Terra Vermelha, em Vilha Velha e foi desarticulada.

Em fevereiro de 2017, durante a paralisação da PM no Estado, marcos Nery e sua equipe trabalhou por quase uma semana sem praticamente dormir, em busca de criminosos que aproveitaram o caos instalado para cometer delitos. Como saldo disso, foram 15 armas de fogo apreendidas, drogas, produtos roubados e dinheiro.

Além disso, operações foram desencadeadas e acabaram com quadrilhas especializadas em roubo de cargas, adulteração de celulares, adulteração de carros roubados, desmonte de veículos… Pode-se dizer que ele e sua equipe não deram descanso para os criminosos patrimoniais de Guarapari durante sua passagem por aqui.

Figura simples, Marcos Nery resume todos estes esforços e resultados em palavras mais simples ainda. “Nosso reconhecimento? A felicidade de conseguir ser policial, vindo de família pobre, por ter fugido à regra. E por saber que ainda existem policiais que trabalham, ganhando pouco, e com tantas críticas, com tantas insinuações, não sucumbem a reclamação. Loucura? Talvez! O certo é que é o nosso trabalho e pronto!”, concluiu Nery.

Do Portal 27 e de seus jornalistas, fica a gratidão de ter podido contar com ele, tanto do ponto de vista profissional, quanta do ponto de vista de cidadão. Obrigado Marcos Nery.

Comments are closed.