O Governo do Espírito Santo iniciou nesta terça-feira (08) os procedimentos necessários para contratar empresas especializadas para pavimentar 17 trechos de estradas rurais e elaborar 31 projetos para futuras pavimentações. Os trabalhos serão realizados pela Secretaria de Estado da Agricultura, Abastecimento, Aquicultura e Pesca (Seag), dentro do programa ‘Caminhos do Campo’.

Os municípios, e localidades, que serão beneficiados foram divulgados em um encontro que reuniu cerca de dois mil participantes no Parque de Exposições de Carapina, na Serra, com destaque para a presença de 43 prefeitos, 17 vice-prefeitos, dois deputados federais, 16 deputados estaduais, secretários de Estado, dirigentes de instituições públicas, vereadores, gestores municipais, lideranças regionais e diversas autoridades.

CAM00094[1]
Governador disse que é obrigação fazer cada vez mais pelo homem do campo. Foto: Wilcler Lopes

“Estamos tornando realidade aquilo que planejamos, com um modelo de gestão equilibrado, uma equipe dedicada e comprometida, e com excelentes parceiros que encontramos nos prefeitos municipais, em uma Assembleia atuante e numa bancada federal comprometida. E não é possível fazer tudo de uma vez, mas nunca foi feito tanto no Espírito Santo. Nosso investimento é histórico e seguiremos fazendo este trabalho diferenciado, fazendo chegar ao interior e às comunidades mais distantes os programas, obras e projetos do Governo”, afirmou o governador Renato Casagrande.

“Esta é a quarta versão do Programa ‘Caminhos do Campo’, que vai fazer obras robustas para melhorar a trafegabilidade das estradas rurais e melhorar o ir e vir das pessoas que moram no campo. Esse investimento faz parte do maior programa de infraestrutura voltado para o interior realizado na história capixaba. Além da pavimentação de estradas rurais, estamos melhorando a oferta de energia elétrica com a substituição das redes monofásicas por trifásicas e levando sinais de telefonia móvel e Internet 3G para as comunidades rurais. Vamos seguir também reforçando as estruturas municipais com o repasse de máquinas, veículos e diversos equipamentos em benefício dos agricultores familiares”, destaca o secretário de Estado da Agricultura, Enio Bergoli.

CAM00071[1]
“Esse investimento faz parte do maior programa de infraestrutura voltado para o interior realizado na história capixaba” Secretário Enio Bergoli. Foto Wilcler Lopes

Somando as 17 obras e os 31 projetos, a Seag vai investir cerca de R$ 120 milhões que vão proporcionar 476 quilômetros a menos de lama e poeira nas estradas no interior capixaba. Os benefícios vão contemplar 43 municípios, principalmente aqueles que possuem maior concentração de agricultura familiar e relevo mais acidentado, onde em períodos de chuvas o trânsito de pessoas e o transporte da produção agropecuária e de mercadorias ficam comprometidos.

“Agradeço, em nome de todos os prefeitos aqui presentes, as obras que o Governo do Espírito Santo anuncia no evento de hoje que irão levar mais qualidade de vida para as pessoas das áreas rurais, por meio do Programa ‘Caminhos do Campo’. Assim, o Governo cumpre uma premissa da Amunes, que é a descentralização do desenvolvimento, levando investimentos em infraestrutura para diversos municípios do interior capixaba”, destaca o presidente da Associação dos Municípios do Espírito Santo (Amunes) e prefeito de Venda Nova do Imigrante, Dalton Perim.

THI_4917 (2) (1)
Diversos produtores e moradores de zonas rurais estiveram no evento. Foto. Thiago Guimarães SECOM.

Municípios beneficiados

Afonso Cláudio, Águia Branca, Alfredo Chaves, Apiacá, Aracruz, Baixo Guandu, Barra de São Francisco, Bom Jesus do Norte, Brejetuba, Cachoeiro de Itapemirim, Conceição da Barra, Castelo, Colatina, Divino de São Lourenço, Domingos Martins, Ecoporanga, Fundão, Ibatiba, Ibiraçu, Ibitirama, Iconha, Irupi, Iúna, Jaguaré, Jeronimo Monteiro, João Neiva, Mantenópolis, Marataízes, Marechal Floriano, Marilândia, Mimoso do Sul, Montanha, Muqui, Nova Venécia, Pedro Canário, Piúma, Rio Novo do Sul, Santa Teresa, São Gabriel da Palha, São Mateus, Serra, Vargem Alta, Venda Nova do Imigrante.

‘Caminhos do Campo’

Somente nos últimos três anos, dentro do ‘Caminhos do Campo’, foram pavimentados 133 km de estradas rurais em 18 municípios capixabas. Atualmente estão em andamento obras para a pavimentação de mais 164,5 km de estradas rurais em 16 municípios. Os recursos aplicados nestes investimentos ultrapassam R$ 147 milhões.

Ao todo, desde o início do programa, em 2004, foram 105 trechos de estradas pavimentadas em 52 municípios capixabas, totalizando 746 km, com investimentos na ordem de R$ 251.7 milhões.

Estado com vocação agropecuária, em 80% dos municípios do Espírito Santo o setor é a principal motor da economia. Pavimentadas, as estradas rurais facilitam o escoamento da produção agrícola, reduzindo custos e as perdas, principalmente em produtos perecíveis. Outro benefício é registrado ainda com a geração de novos negócios e o fortalecimento de agroturismo, setor que gera milhares de empregos diretos e uma renda adicional para os produtores rurais, principalmente os de base familiar.

Deixe seu comentário