Um veículo de reportagem da TV Vitória (Record TV) foi incendiado por criminosos durante uma operação integrada entre a Polícia Civil e Polícia Militar, na região do morro do Bonfim, em Vitória. 

A repórter Talita Carvalho e o cinegrafista Wllian Obrien estavam na Delegacia Patrimonial da Polícia Civil na Avenida Marechal Campos. Já o veículo estava estacionado em uma rua lateral, nas proximidades da Comunidade do Bonfim. Eles entravam ao vivo, quando o crime acontecia. 

O Sindicato dos Jornalistas Profissionais no Espírito Santo (Sindijornalistas/ES) e a Federação Nacional dos Jornalistas (Fenaj) manifestam total repúdio ao atendado sofrido pela equipe afiliada da Rede Record no Espírito Santo. O carro da reportagem foi incendiado na Avenida Marechal Campos, na Grande Maruípe, em Vitória.

A repórter, muito abalada, contou a outras equipes de TV que testemunhas relataram que três indivíduos colocaram explosivos debaixo do carro e saíram correndo e rindo. O fogo logo se espalhou e destruiu objetos pessoais da equipe, como documentos. O veículo foi tomado pelas chamas.

Segundo a repórter, somente o celular dela e do cinegrafista e os equipamentos de trabalho que estavam com eles na delegacia foram salvos. Uma equipe do Corpo de Bombeiros esteve no local para conter as chamas.

O Sindijornalistas e a Fenaj reiteram que qualquer ataque à imprensa é um atentado à democracia e cobram dos responsáveis pela Segurança Pública no Espírito Santo, na pessoa do secretário de Estado da Segurança Pública, Roberto Sá, que os autores desta barbárie sejam identificados e punidos. O fato se torna ainda mais grave por ter ocorrido nas proximidades de uma delegacia de polícia.

Operação. Pela manhã, a polícia realizou uma operação para cumprir mandados de busca e apreensões no Bairro da Penha, além de Gurigica, Itararé, Bonfim e Jaburu. Outro veículo foi roubado, atingido por diversos tiros e abandonado na Avenida Leitão da Silva.

De acordo com a Polícia Civil, a operação tem por objetivo cumprir 11 mandados de prisão preventiva e 13 mandados de busca e apreensão. Vários suspeitos já foram detidos e levados para a Delegacia Regional de Vitória. Policiais relataram ainda que apreenderam drogas e um fuzil. 

Deixe seu comentário

Comments are closed.