O Ministério Público do Estado do Espírito Santo (MPES), por meio da Promotoria de Justiça de Guarapari, fez uma intervenção, determinou e notificou a empresa que estava fazendo cercas em cima das pedras, em área de proteção ambiental, entre as Praias da Cerca e os caminhos que levam as Três Praias.

Durante a semana diversos vídeos circularam pelas redes sociais e mostravam literalmente uma uma invasão e um crime ambiental, praticado por uma construtora que faz um grande empreendimento no local, construindo uma cerca em cima da pedra.

Empresa que estava fazendo cercas em cima das pedras, entre as Praias da Cerca e os caminhos que levam as Três Praias.

O portal 27 recebeu a informação em primeira mão na manhã de hoje (31), de que o Ministério Público, acionou a empresa para que ela parasse mediamente a construção da cerca e também retirasse tudo o que foi feito até agora, com risco de multa e até de a obra ser embargada.

O portal 27 está apurando mais detalhes em você confere em matérias em nossos sites ou redes sociais. Confira as fotos dos funcionários retirando a cerca que estava sendo construída em cima das pedras.