A pedagoga e professora Viviani Araújo, 41, que estava hospitalizada desde que se envolveu em um acidente de carro no dia 6 de dezembro, no Rio de Janeiro (reveja aqui), não resistiu e depois de mais de 20 dias internada no Estado do Rio, faleceu nesta madrugada.

Vivi
Viviani Araújo tinha 41 anos e era pedagoga na rede municipal de Guarapari. Foto: reprodução Facebook.

Daiane de Oliveira, sobrinha da pedagoga, confirmou para nossa equipe a morte da tia. “Recebemos a notícia esta manhã. Minha mãe já está no hospital acompanhando”, disse. Viviani e mais quatro amigos estavam voltando para Guarapari, após um cruzeiro de cinco dias que partiu do Rio de Janeiro.

Três mortos
Jorge Michael, Viviani Araújo e Sandro Passos da Rocha viajavam juntos: Foto: reprodução internet.

Também estavam no carro Joana Tavares e Thiago Oliveira, sobrinho de Viviani. Eles sofreram apenas ferimentos leves. Sandro Passos da Rocha que dirigia o carro e Jorge Michael, que estava no banco de trás morreram na hora.