A prisão de Karlos Eduardo Torres Soares, de 22 anos, mais conhecido como “Gordinho” e “Duda”, na tarde desta quinta-feira (15), no bairro Village do Sol, ajudou a Polícia Militar (PM) a chegar a uma das maiores quadrilhas de roubos de veículos e cargas do Estado.  O jovem foi preso após roubar uma caminhonete S10 no Trevo Setiba e capotar o veículo durante uma perseguição policial.

Segundo a polícia, Antônio, Gesvam e Karlos formam uma das maiores quadrilhas de roubo de veículos e mercadorias do ES.

O responsável pela seção de trânsito do 10º Batalhão, tenente Gilberto, explicou que a vítima do assalto é de Minas Gerais  e estava parada no sinal quando foi rendida por Gordinho. O tenente passava pelo local , recebeu o pedido de socorro e foi então que começou a perseguição policial.

“Ele seguiu no sentido Guarapari-Vila Velha e próximo ao radar cruzou o canteiro na Rodovia do Sol sentido a um parque aquático que tem na região. Quinhentos metros depois ele capotou em uma curva e quase entrou em uma casa. Quando foi preso alguns policiais reconheceram que ele era quem estava cometendo roubos de veículos na região de Grande Terra Vermelha, Ponta da Fruta e no norte de Guarapari”, relatou o tenente Gilberto.

Segundo o tenente, em seguida chegou a informação de que Gordinho teria roubado um Jeep Renegade da mulher de um policial na Praia da Costa, em Vila Velha, na semana passada. “Ele contou que fazia parte de uma quadrilha e que um outro veículo roubado ontem aqui em Guarapari estava em um sítio, localizado em Xuri, que era depósito desses carros roubados. Depois eles são atravessados para Cachoeiro de Itapemirim para venda, “esquentar” e todo tipo de negócio obscuro que eles fazem”.

Caminhão usado pela quadrilha para roubar mercadorias. Foto: Rafaela Patrício

Com a colaboração de Gordinho a PM ainda prendeu Gesvam Gomes da Silva, de 30 anos, mais conhecido como “Brasil”e líder do grupo, e  Antônio Azevedo Guizan, de 68 anos, que era o motorista do caminhão usado para cometer os assaltos e tinha um mandado de prisão em aberto.

“O Gordinho ligou para o cabeça do bando, que é o Brasil, e contou que tinha sofrido um acidente e precisava de ajuda. Então ele e o Antônio vieram no caminhão para resgatá-lo. Eles usavam o Antônio como motorista justamente para tentar despistar a polícia em blitz porque ele era idoso”, disse o tenente.

Armas, chaves e bloqueador de celular encontrados no Gol.

De acordo com o tenente, o bando também usava o aplicativo UBER para cometer assaltos e roubava mercadorias para vender para comerciantes. “Eles roubam caminhões, cargas e distribuem para comerciantes da região. Esse Brasil é o responsável por fazer a intermediação com os ladrões de carga com quem precisa da carga. Eles roubam mercadorias e esse senhor já de idade para passar desapercebido pegava a carga roubada e levava para o esconderijo ou para o destinatário final da receptação”.

Gilberto ressaltou a importância da ação policial. “Ficou nítido que a quadrilha deles é uma das maiores de roubo de veículos  da Grande Vitória pelo nível de movimentação e solicitação que eles fazem. Inclusive, foi falado por um dos indivíduos que a ramificação deles é muito grande e envolve a bandidagem de Terra Vermelha e Boa Vista”.

Ainda de acordo com o tenente, foram recuperados um Fiat  Touro roubado nesta quinta-feira, que estava no sítio em Xuri, e um Gol prata, que pertencia ao Gordinho e estava em Terra Vermelha. Dentro do Gol haviam três chaves de veículos roubados, dentre elas a do Fiat Touro, duas armas, sendo uma pistola alemã que estava dentro do banco do veículo, e um bloqueador de celular. Além disso, o caminhão e a caminhonete S10 também foram apreendidos.

Karlos (sem camisa), Gesvam (de preto) e Antônio (de branco) foram transferidos para o Centro de Detenção Provisória na manhã destra sext-feira (16). Foto Rafaela Patrício

Os três detidos moravam em Vila Velha, foram conduzidos para a Delegacia 5ª Regional de Guarapari e na manhã desta sexta-feira (16) foram transferidos para o Centro de Detenção Provisória (CDP).

Comments are closed.